43609: A sabedoria provinda da prescrição do zakaah


Existe alguma razão específica pela qual é prescrito o zakaah?

تم النشر بتاريخ: 2016-04-04

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar: 

Deve ser observado que Allah não prescreve nada que não seja pelas melhores razões, ou que não alcance os melhores interesses. Allah é o Onisciente, O que abrange todas as coisas com o seu conhecimento, e Ele é o Sapientíssimo, Aquele que não prescreve nada sem uma razão.

Em segundo lugar:

Com relação à razão para a prescrição do zakaah, os estudiosos têm mencionado muitas razões para isso, incluindo as seguintes:

1 – Para completar e aperfeiçoar o Islam da pessoa, pois o zakaah é um dos pilares do Islam. Se a pessoa cumpre com isso, seu Islam é completo. Sem dúvida, este constitui um objetivo importante para todos os Muçulmanos, e cada Muçulmano crente vai se esforçar para aperfeiçoar sua fé.

2 – É indicativo da sinceridade na fé da pessoa, porque a riqueza é querida pelo ser humano, e algo amado não será abandonado, exceto por alguma outra coisa que seja tão ou mais amada, ou melhor, por algo que seja mais amado. Por isso, é chamado sadaqah, por ser indicativo da sinceridade (sidq) do desejo de uma pessoa em agradar a Allah, Exaltado seja.

3 – Ele limpa o caráter da pessoa que o dá, de modo que seja salvo da avareza e seja contado entre os generosos, pois quando se acostuma a dar – seja conhecimento ou riqueza ou fazendo uso de sua posição para ajudar os outros – esta doação se torna característica da pessoa e passa a fazer parte de sua natureza, até que, caso haja um dia em que ele não possa dar, fica aborrecido. Como o caçador que se acostuma à caça, se um dia ele não caça, fica ansioso. Da mesma forma, aquele que se acostumou a ser generoso vai se sentir ansioso se não der um pouco de sua riqueza ou se algum dia não usar sua posição para ajudar os outros.

4 – O zakkah alegra o coração. Se uma pessoa dá algo, especialmente a riqueza, sente uma sensação de alegria. Isso é algo testado e provado, mas está sujeito à condição de que se dê de bom grado e voluntariamente, não com avareza.

Ibn al-Qayyim disse em Zaad al-Ma'aad que o ato de doar e a generosidade são meios de alegrar o coração, mas ninguém se beneficia disto, exceto quem dá com alegria e boa vontade; e dá a riqueza com o coração, antes de dá-la com as mãos. Quanto àquele que dá com sua mão, mas seu coração ainda está ligado à riqueza, seu coração jamais se beneficiará dessa doação. 

5 – Ele eleva a pessoa ao grau dos verdadeiros crentes. "Nenhum de vós verdadeiramente crê até que deseje para seu irmão o que deseja para si mesmo." Assim como você gosta de receber dinheiro, com o qual pode satisfazer suas necessidades, deve também gostar de dar a seu irmão, assim, estará aperfeiçoando sua fé. 

6 – É um dos meios de entrar no Paraíso, porque o Paraíso é para aquele que "fala boas palavras, propaga (a saudação de) salaam, alimenta os famintos e ora à noite, quando as pessoas estão dormindo." E todos nós estamos nos esforçando para entrar no Paraíso. 

7 – Faz da sociedade muçulmana como uma única família, na qual aqueles que têm melhores condições mostram compaixão para com aqueles que não têm meios, e os ricos mostram compaixão para com os que estão em dificuldades. Desta forma, a pessoa sente que tem irmãos a quem ele deve fazer o bem, assim como Allah tem sido bom para ele. Allah diz (interpretação do significado):

 "e sê amável, como Allah tem sido para contigo" [al-Qasas 28:77] 

Assim, a ummah muçulmana torna-se como uma única família. Isto é o que se conhece hoje em dia como "segurança social", mas o zakaah é melhor do que isso, pois a pessoa o está pagando como um dever obrigatório e beneficiando, assim, seus irmãos. 

8 – Ele extingue as chamas da revolta entre os pobres; talvez um homem pobre se sinta provocado ao encontrar um homem que pode andar em qualquer tipo de veículo que quiser, e viver em qualquer tipo de palácio que quiser, e comer qualquer tipo de comida que desejar, ao passo que ele não tem meios de transporte além seus próprios pés, e pode dormir apenas no chão, e assim por diante, indubitavelmente, ele sentirá algum tipo de ressentimento em seu coração. 

Mas se os ricos forem generosos com os pobres, impedirão a revolta e acalmarão sua raiva e eles dirão: "temos irmãos que nos reconhecem em tempos de dificuldades", de modo que sentirão amor em relação aos ricos. 

9 – O zakkah inibe crimes financeiros, tais como assaltos, roubos e afins, porque os pobres terão o suficiente para satisfazer suas necessidades, e vão isentar os ricos de culpa, pois estão dando-lhes um pouco de sua riqueza, e reconhecerão que estão sendo bem tratados, então não vão transgredir contra eles. 

10 – A salvação do fogo do Dia da Ressurreição. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "Todo homem estará na sombra da sua caridade no Dia da Ressurreição." Classificado como sahih por al-Albani em Sahih al-Jaami' (4510). E ele – "...um homem que dá caridade e oculta tanto que sua mão esquerda não saiba o que sua mão direita faz" –  estará listado entre os que Allah vai abrigar do calor com a Sua sombra no Dia em que não haverá nenhuma sombra, exceto a Sua.

11 – Pagar o zakkah leva o homem a aprender sobre as leis de Allah, uma vez que ele nunca poderá pagar seu zakaah sem que antes tenha aprendido as decisões sobre o zakaah, os tipos de riqueza que estão sujeitas ao Zakaah, quem tem direito a recebê-lo, e outras informações necessárias. 

12 – Ele purifica a riqueza, de modo que esta aumentará literal e metaforicamente. Se uma pessoa dá caridade de sua riqueza, isso o protegerá dos problemas, e Allah aumentará sua provisão por causa de sua caridade. Uma vez que é dito no hadith: "A riqueza nunca diminui por causa da caridade." Narrado por Muslim, 2588. Isso é algo testado e provado, porque a riqueza de um avarento pode ser atingida por algo que a destrói, toda ou grande parte dela, como fogo, ou grandes perdas, ou alguma doença que o obrigue a procurar tratamento, o com o qual gastará grande parte de sua riqueza. 

13 - É um meio de atrair bênçãos. O hadith diz: "Nenhum povo jamais retém o zakaah de sua riqueza, sem que a chuva seja retida no céu." 

Classificado como sahih por al-Albani em Sahih al-Jaami', 5204. 

14 – "A caridade dada em segredo extingue a ira do Senhor", como foi narrado do Mensageiro (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e classificado como sahih por al-Albani em Sahih al-Jaami', 3759. 

15 – O zakaah afasta uma morte ruim. 

16 – Ele combate a calamidade que vem do céu e a impede de chegar à Terra. 

17 – Ele expia os pecados. O Mensageiro (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "A caridade extingue pecados como a água apaga o fogo." Classificado como sahih por al-Albani em Sahih al-Jaami', 5136. 

Veja: al-Sharh al-Mumti', 6 / 4-7.

Islam Q&A
أضف تعليقا