Terça-feira 23 Safar 1441 - 22 Outubro 2019
Portuguese

Dias nos quais preceitua-se fazer jejuns nawafil (voluntários)

Pergunta

Gostaria de aprender o tempo exato para o iftar e o sahur, quantos dias no mês deve-se jejuar, e também exatamente em que dia da semana deve ser. Por favor, me dê tantos detalhes quanto forem possíveis sobre o assunto.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Por Sua sabedoria, Allah preceituou que Seus servos busquem aproximar-se Dele voluntariamente, depois de fazer os atos obrigatórios de adoração, ao fazer mais dos mesmos tipos de atos de adoração, e Ele associou a isto grandes recompensas, como o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) nos disse que o seu Senhor falou: “A coisa mais amada com a qual Meu servo se aproxima de Mim é os deveres religiosos que lhe ordenei, e meu servo continua a se aproximar de Mim com ações voluntárias , para que Eu o ame. Quando Eu o amo, Sou sua audição com a qual ouve, sua visão com a qual vê, sua mão com a qual investe, sua perna com a qual caminha. Se me pedisse algo, certamente dar-lhe-ia, e se procurasse Minha Proteção (refúgio), certamente proteger-lhe-ia."(Al-Bukhari 6502).

Os jejuns voluntários entram em duas categorias principais:

1 – Jejuns voluntários comuns (ou seja, isto é, não restritos a qualquer momento ou circunstâncias particulares).

O muçulmano pode observar um jejum voluntário em qualquer dia do ano que deseje, exceto aqueles que são conhecidos por serem proibidos, como os dois dias do Eid, em que o jejum é haraam, e Ayaam al-Tashriq (os três dias seguintes ao Eid al-Adha), em que o jejum é haraam, exceto no Hajj para aqueles que não têm um hadiy (animal para sacrifício). Também exclui-se escolher a sexta-feira para o jejum, porque foi relatado que isso não é permitido. Uma das melhores formas de jejum voluntário, para aqueles que são capazes, é jejuar dias alternados, como diz o hadith: “A oração mais amada a Allah é a oração de Dawud (que a paz esteja sobre ele), e o jejum mais amado para Allah é o jejum de Dawud. Ele costumava dormir metade da noite, ficar em oração por um terço da noite e dormir por um sexto, e costumava jejuar em dias alternados.” (Al-Bukhari, 1131; Muslim, 1159). Para que esse tipo de jejum seja considerado virtuoso, ele não deve enfraquecer a pessoa e torná-la incapaz de cumprir seus deveres principais, como diz o hadith: “ele costumava jejuar em dias alternados, e nunca fugiu da batalha (porque ele costumava quebrar o jejum em tempos de jihad).” (al-Bukhari, 1977; Muslim, 1159)

2 – Jejuns voluntários específicos

Estes são superiores aos jejuns voluntários e são de dois tipos:

O primeiro tipo é os jejuns que são específicos para um tipo de pessoa, como um jovem que não pode se casar, como mencionado no hadith de ‘Abd-Allah ibn Mas’ud (que Allah esteja satisfeito com ele): “Éramos jovens com o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e não tínhamos nada (ou seja, não podíamos arcar com casamento). O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) nos disse, ‘Ó jovens, aqueles que dentre vós puderdes vos casar, que o faça, pois isto é mais efetivo em baixar o olhar e guardar a castidade. E quem não for capaz de fazê-lo, então que jejue, pois isso lhe será um escudo.'” (Al-Bukhari, 5066; Muslim, 1400).

Esse tipo de jejum é mais enfatizado desde que a pessoa seja solteira, e essa prescrição é mais enfática quanto mais provocação houver. Não há menção a nenhum número específico de dias neste caso.

O segundo tipo é o jejum prescrito em horários específicos, que variam, sendo alguns semanais, alguns mensais e alguns anuais. Os jejuns semanais são às segundas e quintas-feiras, nos dias em que o jejum é mustahabb. Foi narrado que 'Aisha disse: “O Mensageiro de Allah (a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) fazia questão de jejuar às segundas e quintas-feiras.” (Al-Nasaa'i, 2320; classificado como sahih por Albaani em Sahih al-Jaami 'al-Saghir, 4827). O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) foi perguntado sobre o jejum às segundas e quintas-feiras, e ele disse: “Esses são dois dias em que as ações das pessoas são mostradas ao Senhor dos Mundos e eu quero que minhas ações sejam mostradas a Ele quando estiver jejuando.” (al-Nasaa'i, 2358; Ibn Maajah, 1740; Ahmad, 8161; classificado como sahih por al-Albaani em Sahih al-Jaami ', 1583). Ele foi perguntado sobre o jejum às segundas-feiras e respondeu: “Naquele dia eu nasci e naquele dia a revelação veio a mim.” (Muslim, 1162).

No que diz respeito aos jejuns mensais, é mustahabb jejuar três dias de cada mês. Foi narrado que Abu Hurairah (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: “Meu amigo íntimo [ou seja, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele)] me aconselhou a fazer três coisas, as quais eu nunca desistirei até que eu morra: jejuar três dias por mês, rezar Duha e dormir depois de rezar o Witr.” (al-Bukhari, 1178; Muslim, 721). É mustahabb observar esse jejum no meio do mês hijri, nos dias chamados Ayaam al-Bid. Foi narrado que Abu Dharr disse: “O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse-me: 'Se jejuares qualquer parte do mês, então jejues no décimo terceiro, décimo quarto e décimo quinto.'” Nasaa'i, 2424; Ibn Maajah, 1707; Ahmad, 210; classificado como sahih por al-Albaani em Sahih al-Jaami 'al-Saghir, 673).

Jejuns anuais são observados em dias específicos, ou durante os períodos em que é Sunnah jejuar.

Os dias específicos incluem os seguintes:

  1. O dia de ‘Ashura, que é o décimo de Muharram. Foi narrado que Ibn ‘Abbas (que Allah esteja satisfeito com ele) foi perguntado sobre jejuar no dia de ‘Ashura. Ele disse, “Não sei de nenhum dia que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) tenha jejuado que fosse melhor do que este e nenhum mês que fosse melhor do que este mês, referindo-se ao Ramadan” (al-Bukhari, 2006; Muslim, 1132). É sunnah jejuar o dia anterior ou o dia posterior juntamente com ‘Ashura, de forma a se diferenciar dos judeus.
  1. O dia de ‘Arafat, que é o nono dia de Dhu’l-Hijjah. É mustahabb apenas para aqueles que não estão de pé no próprio ‘Arafat, conforme disse o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) com relação à virtude dos três jejuns supramencionados: “A observância de três dias de jejum a cada mês e o do Ramadan a cada ano equivale a jejuar durante todo o ano. Eu peço a Allah que o jejum no dia de 'Arafat possa expiar os pecados dos anos precedentes e futuros, e peço a Allah que o jejum no dia de 'Aashura possa expiar os pecados do ano anterior.” (Muslim, 1162)

Os períodos durante os quais é Sunnah jejuar incluem os seguintes:

1- O mês de Shawwaal. É Sunnah jejuar seis dias de Shawwaal, porque o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Quem jejua o Ramadan, depois jejua seis dias de Shawwaal, é como se jejuasse por toda a vida”. (Muslim, 1164). Veja também pergunta nº 7859.

2- O mês de Muharraam: é Sunnah jejuar o que puder deste mês, por causa do hadith: “O melhor dos jejuns depois do Ramadan é o mês de Allah Muharram, e a melhor das orações depois das orações obrigatórias é rezar à noite (qiyaam al-lail).” (Muslim, 1163)

3- O mês de Sha'baan, como foi narrado que 'Aisha (que Allah esteja satisfeito com ela) disse: “O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) costumava jejuar até pensarmos que ele nunca quebraria seu jejum e não jejuava até que pensássemos que ele nunca jejuaria. Eu nunca vi o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) jejuar um mês inteiro além do Ramadan, e o mês em que eu o vi jejuar mais foi Sha’baan. Ele costumava jejuar todos os dias de Sha'baan ou todo ele, exceto alguns dias.” (Al-Bukhari, 1969; Muslim, 1156).

O muçulmano que estiver interessado em fazer o bem deve perceber a grande virtude de realizar jejuns voluntários por causa de Allah, como diz no hadith do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele): “Quem jejuar um dia pela causa de Allah, Ele manterá seu rosto a setenta anos de distância do Inferno ”(al-Nasaa'i, 2247; classificado como sahih por al-Albaani em Sahih Sunan al-Nasaa'i, 2121).
Pedimos a Allah que nos faça entre aqueles cujos rostos Ele mantém longe do Inferno e seu calor, e nos abençoe com o Paraíso.

Com relação ao tempo preciso do Suhur e Iftaar:

Como mencionado na definição de jejum, jejum significa abster-se de comida, bebida e todas as outras coisas que quebram o jejum desde o amanhecer até o pôr do sol, como Allah diz (interpretação do significado):

“...E comei e bebei, até que se torne evidente, para vós, o fio branco do fio negro da aurora. Em seguida, completai o jejum até o anoitecer.”

[al-Baqarah 2:187]

Assim, o jejuador deve começar a se abster das coisas que quebram o jejum quando entra o amanhecer e continuar até que o sol tenha se posto. O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse sobre o tempo do iftaar: “Quando a noite aqui chegar e daqui o dia tiver terminado, e o sol tiver se posto, então que o jejuador quebre seu jejum.” (al-Bukhari, 1818; Muslim, 1841).

Com relação ao tempo do suhur a maioria dos fuqaha' disse que é a hora da última metade da noite até o segundo amanhecer. É Sunnah atrasá-lo, de acordo com a maioria dos sábios, desde que o segundo amanhecer não tenha começado, por causa do versículo citado acima e porque o Profeta (que a paz e bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Apressem o iftar e atrasem suhur. ”(Narrado por al-Tabaraani e classificado como sahih por al-Albaani em Sahih al-Jaami', 3989). O objetivo do suhur é fortalecer o servo para jejuar, então quanto mais próximo estiver de amanhecer, mais eficaz será em ajudar o servo a jejuar. Pedimos a Allah que nos faça entre aqueles que aderem às Suas leis e agem de acordo com elas. Que Allah envie bênçãos e paz ao nosso Profeta Muhammad.

A Fonte: Sheikh Muhammed Salih Al-Munajjid

Enviar comentário