Segunda-feira 15 Ramadan 1440 - 20 Maio 2019
Portuguese

A emissão de madhiy não invalida o jejum

Pergunta

Uma mulher foi sexualmente excitada pelo marido durante um dia no Ramadan, o que a deixou molhada. Ela não sabe se ela ejaculou ou se foi outra coisa que saiu dela. Ela não sabe precisar quantos dias isso ocorreu.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

É permissível que os cônjuges tenham intimidade um com o outro, desde que estejam certos de que não haverá emissão de maniy, por causa do relato narrado por al-Bukhari (1927) e Muslim (1106) de A'isha (que Allah esteja satisfeito com ela), que disse: O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) costumava beijar e tocar (sua esposa) enquanto jejuava, mas ele era o mais capaz dentre todos vós de controlar seu desejo.

Se um homem tem intimidade com sua esposa sem ter relação sexual, então um dos dois cenários a seguir deve ser aplicado:

1 - Que esta intimidade leva à emissão de maniy. Nesse caso, o jejum é invalidado e aquele que emitiu o maniy deve compensar esse dia.

Al-Nawawi (que Allah tenha misericórdia dele) disse em al-Majmu' (6/349): Se ele a beijar ou tiver intimidade com ela, sem ter relações sexuais, ou tocar a pele de uma mulher com a mão ou de outra forma, então, emite maniy, seu jejum é invalidado, caso contrário não é. O autor de al-Haawi e outros narraram que havia um consenso acadêmico de que é invalidado o jejum de alguém que beija sua esposa ou tem intimidade sem ter relações sexuais e ejacula. Fim da citação.

Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse: Se um homem tem intimidade com sua esposa tocando ou beijando o rosto ou tocando a parte privada (sem ter relação sexual) e ele ejacula, então seu jejum é quebrado, mas se ele não ejacula, então o jejum não é quebrado. Fim da citação.

Al-Sharh al-Mumti' (6/388).

2 - Se essa intimidade resultar em emissão de madhiy, neste caso o jejum não é invalidado.

Shaikh 'Abd al-'Aziz ibn Baaz (que Allah tenha misericórdia dele) disse: Se um homem beija sua esposa e tem intimidade com ela sem ter relações sexuais enquanto jejua é permissível e não há nada de errado com isso, porque o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) costumava beijar sua esposa quando ele estava em jejum, e tinha intimidade com ela enquanto jejuava. Mas se um homem teme que cair naquilo que Allah proibiu por ser facilmente despertado, então é makruh para ele fazê-lo. Se ele ejacular, então deve se abster de comer e beber pelo resto do dia, e ele deve repor esse jejum. Mas ele não precisa oferecer nenhuma expiação de acordo com a maioria dos sábios. Quanto ao madhiy, isso não afeta o jejum de acordo com a mais correta das duas opiniões acadêmicas, porque o princípio básico é que o jejum permanece válido e não é invalidado, e porque é muito difícil evitá-lo. E Allah é a fonte de força. Fim da citação.

Fataawa al-Shaikh Ibn Baaz (15/315)

Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) foi perguntado sobre um homem que teve intimidade com sua esposa quando estava em jejum, e emitiu madhiy; qual é a decisão sobre o seu jejum?

Ele respondeu: Se um homem tem intimidade com sua esposa, e ele emite madhiy, seu jejum ainda é válido, e ele não precisa fazer nada de acordo com a visão acadêmica que consideramos correta. Isso porque não há evidências que sugiram que isso quebre o jejum, e não é válido compará-lo com o maniy, porque aquele é inferior a este. Esta visão que nós favorecemos é a visão de al-Shaafa'i e Abu Hanifah, e foi favorecida por Shaikh al-Islam Ibn Taimiyah (que Allah tenha misericórdia dele), que disse em al-Furu': É mais correto. E ele disse em al-Insaaf: É a visão correta. Fim da citação.

Majmu' Fataawa Ibn ‘Uthaimin (19/236).

Para mais informações, consulte a resposta à pergunta n° 37715.

Em terceiro lugar:

Se um homem está confuso neste caso e não tem certeza se o que saiu dele é maniy ou madhiy, na maioria dos casos é provavelmente madhiy, porque madhiy é aquilo que é emitido quando alguém tem intimidade, e o jejum não pode ser julgado quebrado com base em mera conjectura.

A diferença entre madhiy e maniy foi explicada anteriormente neste site, na resposta à pergunta n° 99507 e 2458.

E Allah sabe melhor.

Enviar comentário