Domingo 19 Dhu Al-Qa'dah 1440 - 21 Julho 2019
Portuguese

Hajj não adia deveres obrigatórios, tais como expiações e dívidas

Pergunta

Todos os louvores são para Allah, no ano passado, tive a oportunidade de cumprir a obrigação de Hajj. Como vocês sabem, o Profeta (paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse no hadith: "Um Hajj aceito não proporciona uma recompensa menos que o Paraíso." Quando o muçulmano executa o Hajj obrigatório, todos os pecados que ele havia cometido são perdoados e ele volta do Hajj (sem pecado), como no dia que sua mãe lhe deu à luz, e ele volta à fitrah (natureza humana). A minha pergunta é: Eu tenho alguns dias para repor do Ramadan de dois anos atrás. Depois de realizar o Hajj, eu ainda preciso repor estes dias, ou Allah me perdoará pelo que é passado pelo Hajj que fiz?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah

Há muitos ahadith sobre as virtudes do Hajj que indicam que ele apaga os pecados e expia más ações, e o retorno individual (livre de pecados), como no dia em que sua mãe lhe deu à luz.

Veja a resposta à pergunta n° 34359

Mas essa virtude e recompensa não significam que deveres obrigatórios sejam dispensados, se eles são deveres para com Allah, exaltado seja, como expiações e cumprimento de juramentos; ou deveres que ainda não foram cumpridos, tais como zakat que ele deve pagar ou jejuns que ele deve repor; ou deveres para com outras pessoas, tais como dívidas e assim por diante. O Hajj proporciona o perdão dos pecados, mas isso não significa que esses direitos não serão cobrados, de acordo com o consenso dos sábios.

Se uma pessoa atrasa a reposição de jejuns do Ramadan, por exemplo, e isso sem uma razão, então ela faz o Hajj e é aceito, seu Hajj proporciona o perdão pelo pecado do atraso, mas a obrigação de repor aqueles dias não é abandonada.

É dito em Kashshaaf al-Qinaa' (2/522): ad-Dumayri disse: “No hadith sahih que diz: "Quem cumpre com o Hajj e não profere obscenidades ou comete pecado, irá emergir de seus pecados como no dia em que sua mãe lhe deu à luz." Isso tem a ver especificamente com os pecados que estão ligados aos direitos de Allah, exaltado seja, em particular, e não com os direitos de outras pessoas. Os deveres, propriamente, não são dispensados. Então, se uma pessoa deve uma oração, expiações e outros direitos de Allah, exaltado seja, estes não são anulados, porque são direitos, e não pecados; pelo contrário, o pecado os está atrasando. Assim, o atraso é apagado pelo Hajj, mas o próprio dever, não. Se a pessoa atrasar depois disso, o pecado é renovado. Assim, um Hajj aceito proporciona o perdão pelo pecado de não cumprimento, mas não renuncia às obrigações propriamente ditas”. Isto foi afirmado em al-Mawaahib. Fim de citação.

Ibn Nujaim (que Allah tenha misericórdia dele) disse em al-Bahr ar-Raa'iq (2:364), depois de mencionar a diferença de opinião sobre o Hajj sendo expiação pelos pecados maiores: “Para resumir: o assunto é controverso e não há certeza que o Hajj expia os pecados maiores envolvendo os direitos de Allah, exaltado seja, muito menos os direitos das pessoas. Se dizemos que isso (hajj) expia tudo, não que signifique isso, como muitas pessoas pensam, as dívidas são dispensadas então. O mesmo se aplica a reposição de orações, jejuns e zakaah, pois ninguém diz isso. Em vez disso, o que se entende é que o pecado de atrasar o pagamento da dívida é dispensado, mas, se depois de ficar em 'Arafah, houver atraso do pagamento, estará pecando novamente. O mesmo se aplica para atrasar orações depois do período que lhes é determinado. O pecado é apagado por meio do Hajj, mas o dever de repô-los não é dispensado. Além disso, depois de permanecer em 'Arafah, ainda é necessária repô-los, e se ele não o fizer, será um pecador de acordo com o ponto de vista daqueles que dizem que deveria ser reposto imediatamente. E o mesmo se aplica a outras ações por analogia. Em suma, ninguém sugeriu que os ahadith que falam da expiação do pecado em virtude do Hajj são gerais em significado, como é claro”. Fim de citação.

Para concluir: você ainda deve repor os dias que deve do Ramadan, e seus deveres não podem ser dispensados, a não ser fazendo isso.

E Allah sabe mais.

Resposta relacionadas

Enviar comentário