Quinta-feira 5 Rabi' Ath-Thani 1440 - 13 Dezembro 2018
Portuguese

Se o responsável pela família se recusa a oferecer um udhiyah, será que a mulher pode oferecer um em seu próprio nome e em nome de sua família?

Pergunta

Se o responsável família se recusa a fazer o udhiyah no dia do Eid al-Adha, sem razão alguma, é permitido que sua esposa peça a alguém que compre um e o sacrifique em nome da sua família? Isso é aceitável? Espero que voce possa explicar à luz do Alcorão e da Sunnah.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

O udhiyah é um ato de adoração que é encorajado no Ensinamento Islâmico, sem diferenciação entre homens e mulheres, ou entre mulheres casadas ou não. Isso é indicado pelo sentido geral dos textos que falam sobre udhiyah, sem quaisquer restrições ou limitações.

Se a mulher pode pagar, é Sunnah que ela ofereça um udhiyah em seu favor e em favor de sua família, de seus próprios bens, especialmente se o chefe da família se recusa a fazer este ritual.

Ibn Hazm (que Allah tenha misericórdia dele) disse em al-Muhalla (6/37): O udhiyah para o viajante é o mesmo que para aquele que não está viajando, e não há diferenciação; o mesmo se aplica no casso de um mulher, porque Allah, Exaltado Seja, diz (interpretação do significado): “e fazei o bem” [al-Hajj 22:77] e oferecer o udhiyah é uma boa ação. Todos os que mencionamos precisam fazer boas ações, e são encorajados a fazê-las. Se lembrarmos o que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse com relação ao udhiyah, sem diferenciação entre o beduíno e o habitante da cidade, viajante e não viajante, homem ou mulher, veremos que limita-lo a qualquer tipo de categoria é inválido e não é permissível. Fim de citação.

Diz-se em al-Mawsu’ah al-Fiqhiyyah (5/81):

Ser homem não é uma das condições de isso ser obrigatório ou Sunnah. Assim como é obrigatório para homens, é também obrigatório para mulheres, por causa da evidência de ser obrigatório ou Sunnah aplica-se a todos. Fim de citação.

Com base nisso, se o chefe da família se recusar a executar esse ritual, a esposa pode assumi-lo, ou por meio de outra pessoa a quem ela nomeie para comprá-lo e abatê-lo em seu nome, seja com ou sem o conhecimento do seu marido e com ou sem sua permissão, porque o udhiyah é uma Sunnah para todos, assim, se o chefe da família se recusar a fazê-lo, então sua esposa pode realizá-lo.
O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "Ó povo, as pessoas de cada família devem oferecer um udhiyah todos os anos ..." Narrado por Ahmad (17216) e por Abu Dawud (2788); Classificado como sahih por al-Albaani em Sahih Abi Dawud.

Al-Khatib Ash-Sharbini (que Allah tenha misericórdia dele), narrado pelo autor de al-'Udadah que disse: é uma obrigação comum se houver vários membros da casa; se um dos membros da família faz isso, basta em nome de todos eles, caso contrário, é uma Sunnah individual.

Fim de citação de Mughni al-Muhtaaj (6/123)
E Allah sabe melhor.

Enviar comentário