Segunda-feira 2 Shawwal 1441 - 25 Maio 2020
Portuguese

A alegria dos crentes em encontrar Allah

308653

Data de publicação : 22-05-2020

Vistas : 26

Pergunta

Quais são os versículos do Alcorão que falam da alegria dos crentes ao encontrar seu Senhor?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

Existem versículos que falam da alegria dos crentes em encontrar Allah, exaltado seja, em vários estágios da vida futura.

A primeira dessas etapas será na hora da morte. Allah, exaltado seja, diz (interpretação do significado):

“Ora, por certo, os aliados a Allah, por eles nada haverá que temer, e eles não se entristecerão – Os que crêem e são piedosos. – Têm as alvíssaras, na vida terrena e na Derradeira Vida. – Não há alteração das palavras de Allah. – Esse é o magnífico triunfo”

[Yunus, 10:62-64]

"E dir-se-á aos que foram piedosos: "O que fez descer vosso Senhor?" Dirão: ‘Um bem.’ Há, para os que bem-fazem, nesta vida terrena, algo de bom. Mas, em verdade, a morada da Derradeira Vida é melhor. E, que excelente a morada dos piedosos! Os Jardins do Éden, em que entrarão, abaixo dos quais correm os rios. Nesses, terão o que quiserem. Assim, Allah recompensa os piedosos, Aquele, cujas almas os anjos levam, enquanto benignos, dizendo: ‘Que a paz seja sobre vós! Entrai no Paraíso, pelo que fazíeis.’"

[Nahl, 16:30-32]

“Por certo, os que dizem: "Nosso Senhor é Allah", em seguida, são retos, os anjos descerão sobre eles, frequentemente, dizendo: ‘Não temais e não vos entristeçais; e exultai com o Paraíso, que vos era prometido. Somos vossos protetores, na vida terrena e na Derradeira Vida. E tereis, nela, o que vossas almas apetecerem; e tereis nela, o que cobiçardes, como hospedagem de Um Perdoador, Misericordiador.’”

[Fussilat, 41:30-32].

Quando os anjos da misericórdia chegarem ao servo crente com as boas novas de Allah, ele sentirá e expressará alegria felicidade.

Quanto ao incrédulo e ao malfeitor, ele sentirá e expressará ansiedade, tristeza e angústia.

Portanto, quando o servo crente estiver morrendo, ele desejará encontrar Allah; enquanto o incrédulo ou malfeitor odiará encontrar Allah, exaltado seja.

Anas ibn Maalik narrou de 'Ubaadah ibn as-Saamit, do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) que disse: “Quem quer que ame encontrar Allah, Allah amará encontrá-lo, e quem quer que odeie encontrar Allah, Allah odiará encontrá-lo.” ‘Aishah, ou uma das esposas dele, disse: “Mas odiamos a morte.” Ele disse: “Não foi isso que eu quis dizer. Quando o crente está morrendo, ele recebe as boas novas do prazer e da honra de Allah, e nada lhe é mais caro do que aquilo que está à sua frente; portanto, ele ama conhecer Allah e Allah amará encontrá-lo. Mas quando o incrédulo está morrendo, ele recebe a notícia do castigo e da ira de Allah, e nada é mais odiado por ele do que aquilo que está à sua frente, portanto ele odeia encontrar Allah e Allah odiará encontrá-lo.”

Portanto, o justo deseja que aqueles que o carregam apressem-se com ele até o túmulo, porque ele anseia pela bem-aventurança, enquanto o malfeitor grita, lamentando o destino ao qual está seguindo. Em Sahih al-Bukhari e Sunan an-Nasaa'i, é narrado que Abu Sa'id al-Khudri (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Quando o esquife está preparado, e os homens o erguem sobre os ombros, se a pessoa era justa, ela diz: ‘Leva-me adiante’, mas se não era justa, ela dirá à família: ‘Ai de mim, onde vós estais me levando?’ E nada, exceto o homem, pode ouvir sua voz; se as pessoas pudessem ouvir, cairiam inconscientes.”

Veja: al-Qiyaamah as-Sughra, de ‘Umar Suleiman al-Ashqar (28); al-Mawsu‘ah al-Fiqhiyyah (4/131).

Em segundo lugar:

Os crentes se regozijarão na vida futura com as boas novas que receberem do Paraíso e com o que Allah preparou para eles, e receberão os registros de suas ações em suas mãos certas. Veja a grande alegria do crente quando ele receber seu registro de ações, no versículo em que Allah, glorificado seja, diz (interpretação do significado):

“Então, quanto àquele a quem for concedido seu livro, em sua destra, dirá: ‘Vinde, lede meu livro! Por certo, já pensara deparar minha conta.’ Então, ele estará em agradável vida: Em Jardim bem alto; seus frutos estarão à mão. Dir-se-lhes-á: ‘Comei e bebei, com deleite, pelo que adiantastes nos dias passados.’”

[al-Haaqqah, 69:19-24].

Em terceiro lugar:

Outro aspecto da alegria dos crentes em encontrar Allah será a alegria deles quando o virem e contemplarem Seu nobre Semblante. Allah, exaltado seja, diz (interpretação do significado):

“Para os que bem-fazem, haverá a mais bela recompensa e, ainda, algo mais...”

[Yunus, 10:26].

Os sábios do tafsir disseram que o "algo mais" significa a contemplação do nobre Semblante de Allah. Esta interpretação é apoiada pelo relato narrado por Muslim em seu Sahih (181) de Suhaib ar-Rumi (que Allah esteja satisfeito com ele), de que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) recitou este versículo - “Para os que bem-fazem, haverá a mais bela recompensa e, ainda, algo mais...” – e disse: “Quando o povo do Paraíso entrar no Paraíso, e o povo do Inferno entrar no Inferno, um anunciante gritará: 'Ó povo do Paraíso, vós tendes uma promessa de Allah que Ele deseja cumprir para vós.’ Eles dirão: ‘Qual é esta? Ele não fez com que nossas ações pesassem com força na balança, iluminou nossos rostos, admitiu-nos no Paraíso e nos salvou do Fogo?’ Então, Ele removerá o véu sobre eles e eles O contemplarão e, por Allah, eles não receberão nada que lhes seja mais caro ou mais prazeroso do que contemplá-Lo.”

E Allah diz em Surat al-Qiyaamah:

“Haverá, nesse dia, faces rutilantes, de seu Senhor olhadoras.”

[al-Qiyaamah, 75:22-23].

Isso indica claramente que, no dia da ressurreição, os rostos dos crentes ficarão radiantes e felizes, contemplando o Semblante de Allah, glorificado seja, e isso os aumentará em esplendor e felicidade.

Para mais informações, consulte também as respostas às perguntas n° 1916, 125618, 210252.

Enviar comentário