Terça-feira 17 Jumada Al-Awwal 1440 - 22 Janeiro 2019
Portuguese

Obedecer ao marido vem antes de obedecer aos pais e irmãos

43123

Data de publicação : 08-04-2017

Vistas : 769

Pergunta

Quão importante é o marido para sua esposa, as suas irmãs são mais importantes do que o marido, a quem ela deve ouvir, em que lugar na escala vem o marido? Ele é mais importante do que seus próprios pais e irmãs?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

O Alcorão e a Sunnah indicam que o marido tem um direito confirmado sobre sua esposa, e que ela é obrigada a obedecê-lo, tratá-lo bem e colocar a obediência a ele acima de seus pais e irmãos. De fato, ele é o seu paraíso e seu inferno. Por exemplo, Allah diz (interpretação do significado):

“Os homens têm autoridade sobre as mulheres, pelo que Allah preferiu alguns a outros, e pelo que despendem (para sustenta-las) de suas riquezas.”

[al-Nisa’ 4:34] 

E o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Não é permitido que uma mulher jejue quando seu marido está presente, exceto com a sua permissão, ou permita qualquer pessoa em sua casa sem a sua permissão.”

Narrado por al-Bukhari, 4899.

Al-Albaani (que Allah tenha misericórdia dele) disse, comentando sobre este hadith: Já que é obrigatório que uma mulher obedeça seu marido com relação a satisfação de seu desejo, é mais apropriado que seja obrigatório que ela o obedeça naquilo que é mais importante do que isso, a saber, criar seus filhos, orientar a família e outros direitos e deveres.

De Adaab al-Zafaaf, p. 282 

Ibn Hibban narrou que Abu Hurairah disse: O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Se a mulher reza suas cinco (orações diárias), jejua seu mês (Ramadan), protege a sua castidade e obedece ao seu marido, será dito a ela: “Entrai no paraíso por qualquer dos portões que desejai”. Classificado como sahih por al-Albaani em Saheeh al-Jaami’, nº 660. 

Ibn Maajah (1853) narrou que ‘Abd-Allah ibn Abi Awfa disse: Quando Mu’aadh veio da Síria, ele se prostrou ao Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) que disse: “O que é isso, ó Mu’aadh?” Ele disse, eu fui para a Síria e os vi se prostrando para os seus arcebispos e patriarcas, e eu queria fazer o mesmo para ti. O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse. “Não façais isso. Se eu fosse ordenar que alguém se prostrasse para qualquer outro que Allah, eu teria ordenado que as mulheres se prostrassem aos seus maridos. Por Aquele em cujas mãos está a alma de Muhammad, nenhuma mulher pode cumprir seu dever para com Allah até que ela cumpra com o seu dever para com o seu marido. Se ele a pede (por intimidade), mesmo que ela esteja na sela do camelo, ela não deve recusar.”

Classificado como sahih por al-Albaani em Sahih Ibn Maajah. 

Ahmad (19025) e al-Haakim narraram de al-Husain ibn Muhsin que sua tia paterna veio ao Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) por alguma coisa e ele lidou com a sua necessidade, então o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Tendes marido?” Ela disse, “Sim”. Ele disse: “Como sois com ele?” Ela disse, “Eu não negligencio nenhum de seus direitos, exceto àqueles que não sou capaz de cumprir.” Ele disse: “Olhe para como sois com ele, pois ele é vosso paraíso e vosso inferno” – ou seja, ele é a causa de entrardes no Paraíso se cumprirdes seus direitos e a causa de entrardes no Inferno se falhardes nisso”.

Al-Mubdhiri calssificou o isnaad deste hadith como jayyid em al-Targhib wa’l-Tarhib; foi classificado como sahih por al-Albaani em Sahih al-Targhib wa’l-Tarhib, nº1933. 

Se houver conflito entre a obediência ao marido e a obediência aos pais, a obediência ao marido tem prioridade. O Imam Ahmad (que Allah tenha misericórdia dele) disse com relação a uma mulher que tem um marido e uma mãe doente: Obedecer ao marido é mais obrigatório a ela do que (tomar conta) de sua mãe, a menos que ele dê permissão. (Sharh Muntaha al-Iraadaat, 3/47).

Em al-Insaaf (8/362) é dito: Ela não tem que obedecer seus pais com relação a deixar o seu marido ou vista, etc., ao contrário, a obediência ao marido tem prioridade.

Há um hadit com relação a este assunto que foi narrado por al-Haakim a partir de ‘Aishah (que Allah esteja satisfeito com ela), que disse: Eu perguntei ao Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele), “Quem tem maior direito sobre a mulher?” Ele disse: “Seu marido.” Eu disse: “Quem tem maior direito sobre um homem?” Ele disse: “Sua mãe”.

Mas este é um hadith fraco (da’if), que foi classificado como tal por al-Albaani em Da’if al-Targhib wa’l-Tarhib, 1212, e ele criticou al-Mundhiri por classificá-lo como hasan.
E Allah sabe melhor.

Enviar comentário