Sábado 7 Rabi' Ath-Thani 1440 - 15 Dezembro 2018
Portuguese

Número de raka’at na oração de Tarawih

Pergunta

Perguntei isso anteriormente, mas não obtive uma resposta satisfatória. Minha pergunta é sobre a oração de Tarawih no Ramadan. Foi-me respondido, em uma pergunta anterior, que o Tarawih não deveria ser mais que 11 raka’at. Foi autenticamente relatado que Muhammad (SAWS) rezou Tarawih 3 vezes no Ramadan e constituído por 11 Raka’at. Também o livro do Shaikh Naasir-ud-Din Al-Albani (Que Allah tenha misericórdia dele) Qiyam e Tarawih afirma que Tarawih deveria ser 11 Rak’ah. A sunnah é de 11 Raka’at. Agora a questão que é confusa, e muitas vezes se torna uma discussão entre irmãos, é se o número de Raka’at no Tarawih deve ser de 11 Raka’at ou 20 Raka’at. Algumas pessoas durante o Ramadan vão para as mesquitas, onde o Imam faz 11 Raka’at e outros vão para mesquitas, onde o Imam faz 20 Raka’at. Na maioria das Mesquitas Hanafi, nos EUA, o Imam faz 20 Raka’at. O ponto a ser observado é que sendo 20 ou 11 Raka’at o imam completa todo o Alcorão durante o Ramadan. As pessoas são muito sensíveis sobre esta questão e ela torna-se um tópico em reuniões nos Estados Unidos. As pessoas que rezam 20 Raka’at culpam o outro grupo que reza 11 de estar errado e o grupo que reza 11 Raka’at culpa o grupo que reza 20 de estar errado. Esta é uma grande fitnah nos EUA. Isso leva à desunião. As pessoas sempre citam que na Mesquita do Profeta o imam reza 20 Raka’at também na Masjid-ul-Haraam em Makkah o imam reza 20 Raka’at. Também aqueles que durante o Ramadan vão à Arábia Saudita para a Umrah dizem que o Imam reza 20 Raka’at. Isso é uma confusão.

Por favor, responda e me explique as seguintes questões:

1. A sunnah é rezar 11 Raka’at, então porque é que a Mesquita do Profeta em Madinah e na Mesquita-ul-Haram o imam lidera as pessoas fazendo 20 Raka’at? Por quê? Por que isso é diferente da sunnah?

2. Por que o número de Raka’at do Tarawih na mesquita do Profeta e Masjid-ul-Haraam é de 20 Raka’at? Por favor, explique-nos isso.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Não achamos que os muçulmanos devam ser tão sensíveis em relação a questões que são assunto de diferenças acadêmicas ou que os tomem como causa de divisão e fitnah entre os muçulmanos.

Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse, ao falar sobre o assunto de alguém que ora dez raka’at com o imam, então se senta e espera pelo Witr e não completa as orações de Tarawih com o imam:

Entristece-nos profundamente encontrarmos na ummah muçulmana um grupo que difere em questões nas quais as diferenças de opinião são aceitáveis, e elas tomam essas diferenças como um meio para causar divisão. Diferenças dentro da ummah existiam na época dos Sahaabah, mas eles permaneceram unidos. A juventude em particular e todos aqueles que estão comprometidos com o Islam devem permanecer unidos, porque eles têm inimigos que estão à espera.

Al-Sharh al-Mumti', 4/225

Dois grupos foram aos extremos em relação a esse assunto. O primeiro grupo denunciou todos que rezam mais de onze raka’at e disseram que fazer isso era bid'ah. O segundo grupo denunciou aqueles que fazem apenas onze raka’at e disseram que estão indo contra o consenso acadêmico (ijmaa’).

Vamos ouvir o que Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Aqui dizemos que não devemos ir aos extremos ou ser negligentes. Algumas pessoas vão aos extremos em aderir ao número mencionado na Sunnah, e dizem que não é permitido fazer mais do que o número mencionado na Sunnah, e eles agressivamente denunciam aqueles que fazem mais do que isso, dizendo que são pecadores.

Isto é, indubitavelmente, errado. Como eles podem ser pecadores, quando o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele), ao ser questionado sobre as orações da noite, disse que elas devem ser feitas de duas em duas, e ele não especificou nenhum número em particular? Claro que quem lhe perguntou sobre a oração da noite não sabia o número, porque se ele não sabia como fazê-la, é ainda mais provável que não soubesse o número. E ele não era um daqueles que serviram o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) para que pudéssemos dizer que ele sabia o que acontecia dentro de sua casa. A partir do momento em que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse-o como fazê-la, mas não disse quantas vezes, pode ser entendido que o assunto é amplo no escopo, e que uma pessoa pode rezar cem raka’at, então rezar o Witr com um rak'ah.

Com relação às palavras do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele): “Rezai, como vós me vistes rezando”, isso não se aplica em termos absolutos, mesmo para essas pessoas. Portanto, eles não dizem que uma pessoa deve rezar o Witr com cinco raka’at às vezes, com sete raka’at outras vezes e com nove raka’at outras. Se entendermos isso em termos absolutos, então teríamos que rezar Witr com cinco raka’at às vezes, com sete raka’at outras e com nove raka’at outras. Mas o que se entende pelo hadith é rezar como me viu rezando em relação a como rezar, não quantos raka’at, a menos que haja um texto que indique o número.

Seja qual for o caso, uma pessoa não deve ser rigorosa com os outros em relação a um assunto que é amplo no escopo. Nós temos visto alguns irmãos que são rígidos neste assunto acusando os imams que rezam mais do que onze raka’at de seguir o bid'ah, e eles deixam a mesquita, perdendo assim a recompensa de que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "Quem ficar com o imam até que ele termine (a oração), a recompensa de qiyaam al-lail será registrada para ele." (Narrado por al-Tirmidhi, 806; classificado como sahih por al-Albaani em Sahih al-Tirmidhi, 646). Alguns deles até sentam-se depois de completar dez raka’at, quebrando assim as filas de adoradores sentando-se ali, e às vezes eles começam a falar e perturbam as pessoas que estão rezando.

Não temos dúvidas de que suas intenções são boas e estão fazendo seu melhor para chegar à conclusão correta, mas isso não significa que estejam certos.

O outro grupo faz o oposto. Eles denunciam severamente aqueles que rezam apenas onze raka’at e dizem que eles foram contra o consenso acadêmico. Allah diz (interpretação do significado):

“E a quem discorda do Mensageiro, após haver-se tornado evidente, para ele, a direita direção, e segue caminho outro que o dos crentes, abandoná-lo-emos no caminho que escolheu e fá-lo-emos entrar na Geena. E que vil destino!” [al-Nissa' 4:115]

Todas as gerações que vieram antes só conheciam o número como vinte e três raka’at, e denunciam qualquer um que diga algo diferente.

Al-Sharh al-Mumti', 4/73-75

Com relação à evidência citada por aqueles que dizem que não é permitido fazer mais do que oito raka’at no Tarawih, eles citam o hadith de Abu Salamah ibn 'Abd ar-Rahmaan, que perguntou à ‘Aisha (que Allah esteja satisfeito com ela), "Como o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) rezava durante o Ramadan?" Ela disse: "Ele não rezava mais do que onze raka’at no Ramadan ou outras vezes. Ele rezava quatro, e não me perguntes quão bonitas e longas eram, então, rezava quatro e não me perguntes quão bonitas e longas eram, então ele rezava três. Eu disse: 'Ó Mensageiro de Allah, tu dormirás antes de rezar Witr?' Ele disse, 'Ó ‘Aisha, meus olhos dormem, mas meu coração não.'” Narrado por al-Bukhari, 1909; Muslim, 738

Eles disseram: Este hadith indica que o Mensageiro de Allah era constante em suas orações à noite no Ramadan e fora dele.

Os sábios refutaram o uso deste hadith como evidência dizendo que isto é o que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) fez, mas o fato de que ele fez algo não implica que aquilo seja obrigatório.

A evidência de que não há número definido para orações à noite – que incluem Tarawih – é o hadith de Ibn ‘Umar, segundo o qual um homem perguntou ao Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) sobre a oração durante a noite. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “As orações noturnas serão oferecidas de duas em duas (duas raka’at de cada vez). Se algum de vós temerdes que a hora do amanhecer se aproxime, então, rezei um rak'ah como Witr.”(Narrado por al-Bukhari, 846; Muslim, 749)

Se olharmos para o que os sábios das proeminentes escolas de pensamento disseram, é claramente observado que este assunto é amplo e que não há nada de errado em fazer mais do que onze raka’at.

Al-Sarkhasi, que é um dos imams da escola Hanafi, disse:

São vinte raka’at, além de Witr, em nossa opinião.

Al-Mabsut, 2/145

Ibn Qudaamah disse:

O ponto de vista favorecido, de acordo com Abu 'Abd-Allah (ou seja, Imam Ahmad, que Allah tenha misericórdia dele), é que são vinte raka’at. Essa era a visão de al-Thawri, Abu Hanifah e al-Shaafa'i. Maalik disse que é trinta e seis.

Al-Mughni, 1/457

Al-Nawawi disse:

A oração Tarawih é Sunnah de acordo com o consenso acadêmico. Nossa opinião é que são vinte raka’at com dez taslim, e é permitido orar individualmente ou em congregação.

Al-Majmu’, 4/31

Estas são as visões dos quatro imams sobre o número de raka’at da oração de Tarawih. Todos eles disseram algo mais que onze raka’at. Talvez as razões pelas quais eles disseram algo mais do que onze raka’at incluem o seguinte:

  1. Eles achavam que o hadith de ‘Aisha não indicava que aquele fosse um número específico.
  2. Um número superior de raka’at foi narrado por muitos dos salaf. Veja al-Mughni, 2/604; al-Majmu', 4/32
  3. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) costumava rezar onze raka’at e alonga-las bastante, tanto que costumava tomá-lo a maior parte da noite. De fato, uma noite em que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) liderou seus companheiros na oração Tarawih, ele não terminou sua oração até pouco antes do amanhecer, e os Sahaabah temiam que eles sentissem falta do suhur. Os Sahaabah (que Allah esteja satisfeito com eles) amavam rezar atrás do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e não sentiram que a oração tinha sido tão longa. Os sábios achavam que se o imam fizesse a oração por tanto tempo, isso seria muito difícil para os membros da congregação e isso poderia afastá-los. Então, eles pensaram que o imam deveria tornar a recitação mais curta e aumentar o número de raka’at.

O ponto é que aquele que reza onze raka’at da maneira narrada pelo Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) está indo bem e está seguindo a Sunnah. Quem faz a recitação mais curta e aumenta o número de raka’at também está indo bem. Uma pessoa que faz uma dessas duas coisas não deve ser denunciada. Shaikh al-Islam Ibn Taimiyah disse:

Se uma pessoa reza Tarawih de acordo com os madhhabs de Abu Hanifah, al-Shaafa'i e Ahmad, com vinte raka’at, ou de acordo com o madhab de Maalik, com trinta e seis raka’at ou com treze ou onze raka’at, ele fez bem, como Imam Ahmad disse, porque não há nada que especifique o número. Assim, o maior ou menor número de raka’at depende de quanto tempo o qiyaam está (em pé na oração).

Al-Ikhtiyaaraat, p. 64

Al-Suyuti disse:

O que é narrado no sahih e em ahadith hasan é a ordem de se observar orações noturnas durante o Ramadan, que é encorajado sem especificar um determinado número (de raka’at). Não está provado que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) tenha rezado vinte raka’at de Tarawih, ao invés disso ele rezou à noite, com um número não especificado de raka’at. Então, ele o atrasou isso na quarta noite para que não se tornasse obrigatório às pessoas e elas pudessem não ser capazes de fazê-lo. Ibn Hajar al-Haithami disse: “Não há nenhum relato sahih que mencione que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) tenha rezado vinte raka’at de Tarawih. A narração que sugere que ele ‘costumava rezar vinte raka’at’ é extremamente fraca (da'if).”

Al-Mawsu'ah al-Fiqhiyyah, 27/142-145

Portanto, não se surpreenda se as pessoas rezarem o Tarawih como vinte raka’at. Houve geração após geração desses imams (que costumavam rezar vinte raka’at), e todas elas são boas.

E Allah sabe melhor.

Enviar comentário