Sexta-feira 17 Dhu Al-Qa'dah 1440 - 19 Julho 2019
Portuguese

Seu período se tornou mais longo por causa do DIU

Pergunta

Durante o Ramadan, minha esposa colocou um DIU ("bobina") após o término do seu período, e este tornou-se mais longo, portanto ela não jejuou por onze dias. Depois disso, provou-se que durante quatro desses dias o sangue não era menstruação, mas sangramento irregular. Qual é a decisão sobre estes dias? Existe alguma expiação a ser oferecida? Qual seria?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

Se o período se torna mais longo por causa do DIU e o sangramento perdura além do período, então isto tudo é a menstruação, como se período dela fosse normalmente sete dias, mas aumentou para onze dias.

Mas se o sangramento cessou depois dos sete dias, e ela estava certa de que tinha se tornado pura, então ela sangrou por mais quatro dias, o que diferia de seu sangramento menstrual habitual, e isso foi por causa do DIU, então esses quatro dias não são considerados menstruação, ao contrário, são istihadah (sangramento vaginal irregular).

Da mesma forma, se é provado clinicamente que o sangue era sangramento irregular e não menstruação, então é istihadah.

Em segundo lugar:

Se uma mulher não jejuar quando vê sangue porque pensa que é sangramento menstrual, então, posteriormente, fica claro para ela que foi istihadah, ela não precisa fazer nada além de compensar os dias em que ela não jejuou.

Conclusão: Se é provado que estes dias não eram sangramento menstrual, então ela não tem que fazer nada além de compensá-los.

E Allah sabe melhor.

Enviar comentário