Sábado 7 Muharram 1446 - 13 Julho 2024
Portuguese

Um homem tem que observar ‘iddah?

Pergunta

Quando um homem tem que observar ‘iddah? Qual é a sabedoria por trás disso?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Um homem não tem que observar 'iddah (período de espera para consolidação do divórcio); ao contrário, o 'iddah é apenas para mulheres, seja 'iddah após o divórcio ou após a morte do marido. Mas o homem deve ser impedido de se casar com uma quinta esposa até que o iddah após o divórcio de sua quarta esposa termine. Ele também deve ser impedido de se casar com a irmã, tia paterna ou tia materna de sua esposa até que o iddah dela termine. Porém, isso não deve ser chamado de 'iddah [no caso dele].

Al-Hattaab (que Allah esteja satisfeito com ele) disse em Mawaahib al-Jalil (4/140): Quanto a descrever como 'iddah o período durante o qual o marido é impedido de se casar depois de se divorciar de sua quarta esposa ou divorciar-se da irmã daquela com quem quer se casar, ou qualquer outra pessoa com quem ele não possa se casar ao mesmo tempo que a esposa de quem está se divorciando, isso é, sem dúvida, extraído por analogia, mas não deve ser incluído sob o mesmo título que o 'iddah que é prescrito nos ensinamentos islâmicos [para mulheres]. E Allah sabe melhor. Fim da citação.

Em al-Mawsu’ah al-Fiqhiyyah (29/306) é dito: Com relação a um homem esperando até o final do 'iddah [da mulher]: os fuqaha' são da opinião de que o 'iddah não é exigido do homem, porque é permitido que ele se case com outra pessoa após a separação de sua esposa, sem esperar até que o 'iddah dela termine, a menos que haja algum impedimento que impeça isso, tal como ele se casar com a tia paterna, tia materna ou irmã, ou qualquer outra pessoa com quem não é permitido se casar enquanto ainda está casado com sua esposa, ou caso ele tenha se divorciado de sua quarta esposa e quer se casar com outra, então, ele deve esperar que o 'iddah de um talaaq revogável chegue ao fim, de acordo com o consenso acadêmico, ou mesmo o de um talaaq irrevogável, de acordo com os Hanafis – em contraste com a maioria dos fuqaha', que consideram que neste caso ele não precisa esperar. O impedimento ao casamento deste homem não é chamado de 'iddah, seja no sentido linguístico ou na terminologia islâmica, mesmo que pareça 'iddah. An-Nafraawi disse: O propósito do 'iddah é impedir a mulher (de se casar cedo demais), e o período durante o qual um homem que se divorciou de uma quarta esposa é impedido de se casar com outra não pode ser chamado de 'iddah, nem em um sentido linguístico, nem na terminologia islâmica, porque o homem pode ser impedido de se casar em muitas situações, como durante o ihram ou quando está doente, e ninguém descreveria esses casos como observação do 'iddah. Fim da citação.

A Fonte: Islam Q&A