Sábado 12 Rabi' Ath-Thani 1442 - 28 Novembro 2020
Portuguese

Du‘aas (súplicas) e adhkaar (recordações) para proteção contra doenças e epidemias

Pergunta

Existe alguma du'aa, do Alcorão ou da Sunnah, para proteção contra doenças e epidemias como a gripe suína?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar

Existem muitos ahadith sahiha (autênticos) que exortam os muçulmanos a recitarem du‘aas e adhkaar para proteção contra danos e males, cujo significado geral inclui a proteção contra ataques de várias doenças e epidemias. Essas du‘aas incluem as seguintes:

1.

Foi narrado que ‘Uthmaan ibn ‘Affaan (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: Ouvi o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) dizer:

“Quem disser 'Bismillah illadhi la yaduru ma'a ismihi shai'un fi'l-ard wa la fi'l-sama' wa huwa al-sami' ul-'alim (Em nome de Allah através de Cujo nome nada pode ser prejudicado na terra ou no céu, e Ele é o Oniouvinte, Onisciente)', três vezes à noite, não será atingido por uma aflição repentina até a manhã chegar, e quem o disser quando a manhã chegar, não será atingido por uma aflição repentina até a noite chegar."

Narrado por Abu Dawud (5088). Também narrado por at-Tirmidhi, que o classificou como sahih, da seguinte maneira:

“Quem quer que diga na manhã de todos os dias e pela noite, em todas as noites 'Bismillah illadhi la yaduru ma'a ismihi shai'un fi'l-ard wa la fi'l-sama' wa huwa as-sami' ul-'alim (Em nome de Allah através de Cujo nome nada pode ser prejudicado na terra ou no céu, e Ele é o Oniouvinte, Onisciente)', três vezes, então, nada o prejudicará.”

2.

Foi narrado por Abu Hurairah (que Allah esteja satisfeito com ele) que disse: Um homem veio ao Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e disse: Ó Mensageiro de Allah, eu fui picado por um escorpião na noite passada. Ele respondeu: “Se tu houvesses dito, quando a noite chegou, 'A'udhu bi kalimaat Allah at-taammaati min sharri ma khalaq (busco refúgio nas palavras perfeitas de Allah contra o mal daquilo que Ele criou)', não teria te prejudicado.”

Narrado por Muslim (2709).

3.

Foi narrado que 'Abdullah ibn Khubaib (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: Saímos em uma noite chuvosa e muito escura, procurando pelo Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) para nos guiar em oração. Nós o encontramos e ele disse: “Tu rezaste?” Mas eu não disse nada. Ele disse: "Diz", porém eu não disse nada. Então, ele disse: "Diz", mas, eu não disse nada. Então, ele repetiu: “Diz”, e eu disse: “O que devo dizer, ó Mensageiro de Allah?” Ele disse: "Diz: Qul huwa Allaahu Ahad e al-Mu'awwidhatein, à noite e pela manhã, três vezes, e estes serão suficientes contra todas as coisas."

Narrado por at-Tirmidhi (3575) e Abu Dawud (5082).

Shaikh ‘Abd al-‘Aziz ibn Baaz (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Um dos meios de alcançar segurança, bem-estar, paz de espírito e proteção contra todos os males é buscar refúgio nas palavras perfeitas de Allah contra o mal daquilo que Ele criou, três vezes todas as manhãs e noites, dizendo: “A’udhu bi kalimaat Allaah at-taammaati min sharri ma khalaq (busco refúgio nas palavras perfeitas de Allah contra o mal daquilo que Ele criou).” Há ahadith que indicam que esse é um dos meios para se alcançar o bem-estar. Da mesma forma, pode-se dizer: “Bismillah illadhi la yaduru ma'a ismihi shai'un fi'l-ard wa fi'l-sama' wa huwa al-sami’ ul-’alim (Em nome de Allah através de Cujo nome nada pode ser prejudicado na terra ou no céu, e Ele é o Oniouvinte, Onisciente)', três vezes todas as manhãs e noites. Porque o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) afirmou que quem repetir isso três vezes de manhã nada o prejudicará até que a noite chegue; e quem o disser três vezes à noite, nada o prejudicará até que a manhã chegue.

Todas essas recordações e súplicas que buscam refúgio em Allah, advindas do Alcorão e da Sunnah, estão entre os meios para obter segurança e proteção contra todos os males.

Todo homem e mulher que crê deve recitá-las nos momentos apropriados, e fazê-lo regularmente, com certeza, confiando em seu Senhor, glorificado e exaltado seja, Aquele que está no controle de todas as coisas, Aquele que tem conhecimento de todas as coisas, Aquele que é capaz de fazer todas as coisas; não há deus, senão Ele e nenhum senhor, senão Ele; em Suas mãos está o controle de todas as coisas, o poder de reter, causar danos e trazer benefícios, e Ele é o Soberano de todas as coisas, glorificado e exaltado seja.

Fataawa ash-Shaikh Ibn Baaz (3/454, 455).

4.

'Abdullah ibn' Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) nunca deixou de dizer essa súplica quando a noite ou a manhã chegavam: “Allahumma inni as'aluka al-'aafiyata fi'd-dunia wa'l-aakhirah. Allahumma inni as'aluka al-'afwa wa'l-'aafiyata fi dini wa dunyaaya wa ahli wa maali. Allahumma astur ‘awraati wa aamin raw‘aati. Allahumm ihfazni min bayni yadayia wa min khalfi wa 'yamini wa'an shimaali, wa min fawqi, wa a’udhu bi 'azamatika e ughtaala min tahti (Ó Allah, peço-Te bem-estar neste mundo e no outro. Ó Allah, peço-Te perdão e bem-estar em minha fé, meus assuntos mundanos, minha família e minha riqueza. Ó Allah, esconda minhas falhas e proteja-me daquilo que me causa preocupação. Ó Allah, proteja-me à minha frente e atrás, à minha direita e esquerda, e acima de mim, e busco refúgio em Tua grandeza para que eu não seja destruído por baixo.)”

Narrado por Abu Dawud (5074) e Ibn Maajah (3871). Classificado como sahih pelo Shaikh al-Albaani em Sahih Abi Dawud.

Shaikh Abu'l-Hasan al-Mubaarakfuri (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

“Ó Allah, peço-Te bem-estar” significa: proteção contra qualquer coisa que possa minar minha fé e contra as dificuldades mundanas. Também foi dito o que se entende disso por: proteção contra doenças e calamidades; ou não ser testado por elas, e ter paciência para aceitá-las e aceitar o decreto divino. A palavra ‘afiyah (bem-estar) refere-se a quando Allah preserva uma pessoa e a protege daquilo que é desagradável, e concede-lhe bem-estar e proteção contra problemas e calamidades.

"Ó Allah, peço-Te perdão" significa: peço que apague meus pecados e os ignore.

"E bem-estar" significa: estar livre de falhas.

"Em minha fé, meus assuntos mundanos" significa: e tudo o que está conectado a eles.

Mirqaat al-Mafaatih Sharh Mishkaat al-Masaabih (8/139).

5.

Foi narrado que 'Abdullah ibn' Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: Uma das súplicas do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) foi: “Allahumma inni a’udhu bika min zawaali ni'amatika wa tahawwul 'afiyatika wa fujaa'ati niqmatika wa jami'i sakhatika (Ó Allah, eu busco refúgio em Ti da ausência de Tua bênção, e a perda do bem-estar que Tu me concedeste, e o assalto repentino de Tua ira, e qualquer coisa que possa levar ao Teu descontentamento.)”

Narrado por Muslim (2739).

An-Nawawi (que Allah tenha misericórdia dele) disse: [A palavra traduzida aqui como] “perda” refere-se a uma mudança em algo e desconexão de algo. É como se ele estivesse pedindo um bem-estar contínuo, que seria a proteção contra a dor e a doença.

Faid al-Qadir (2/140).

Al-‘Azimabaadi (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

“A perda do bem-estar que Tu me concedeste” refere-se à saúde sendo substituída pela doença e à independência dos meios sendo substituída pela pobreza.

‘Awn al-Ma‘bud Sharh Sunan Abi Dawud (4/283).

6.

Foi narrado por Anas (que Allah esteja satisfeito com ele) que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) costumava dizer: “Allahumma inni a'udhu bika min al-barasi wa'l-jununi wa'l-judhaami wa min sayyi'il-asqaam (ó Allah, eu busco refúgio em Ti contra a hanseníase, a loucura, a paralisia e as doenças malignas). ”

Narrado por Ahmad (12592), Abu Dawud (1554) e an-Nasaa'i; classificado como sahih por al-Albaani.

At-Tibi disse: A razão pela qual ele não buscou refúgio em Allah contra doenças em termos gerais é que algumas doenças podem ser fáceis de suportar, ainda trazem uma grande recompensa se a pessoa as suporta com paciência e caso elas não sejam crônicas; como: febre, dores de cabeça e inflamações oculares. Em vez disso, o hadith busca refúgio em Allah contra doenças crônicas, o que pode levar uma pessoa a uma situação em que um amigo próximo fugirá dela e ela não terá muitos amigos ao seu redor para confortá-la e cuidar dela, e – além disso – pode trazer um enorme estigma.

Narrado por al-‘Azimabaadi em ‘Awn al-Ma‘bud.

E Allah sabe melhor.

A Fonte: Islam Q&A