Domingo 18 Rabi' Ath-Thani 1441 - 15 Dezembro 2019
Portuguese

Por que contamos a idade do Islam desde o começo da Hijrah e não desde o início da revelação e do chamado?

Pergunta

Espero que insh’Allah esta pergunta os alcance em boa saúde. Minha pergunta é que eu notei quando um não-muçulmano pergunta sobre a idade do Islam depois da profecia, os muçulmanos respondem apenas com os anos após a hijrah, minha pergunta é: por que nós sempre deixamos de lado os primeiros 13 anos de profecia antes de hijrah? Eu sei que o ano da Hijrah foi um grande ano, mas todos nós sabemos que o profeta começou 13 anos antes disso, então, quando respondemos, por que não mencionamos isso, agora estamos em 1433 AH, mesmo assim, quando respondemos, por que não mencionamos o Islam após profecia está em 1446, adicionando os 13 anos antes do período? Insha’Allah você possa explicar por que nós não adicionamos os primeiros 13 anos em nossa resposta.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Sem dúvida, os anos que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) passou em Makkah antes da Hijrah (migração para Madinah), quando ele chamava as pessoas para o caminho de seu Senhor, pacientemente suportando perseguição, aborrecimento e acusações dos tolos, podem fazer parte da era do Islam; na verdade, eles estão entre os maiores anos do Islam, porque durante esse tempo o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) apenas confiava completamente em seu Senhor, pensando positivamente n’Ele e pacientemente suportando perseguição por amor a Ele.

Isso é algo que nenhum sábio duvidaria e ninguém negaria, seja ele muçulmano ou não.

Mas a razão pela qual as pessoas adotaram o calendário Hijri como um meio de definir o ano em que um determinado evento ocorreu, que é algo que as pessoas precisam fazer, é que essa data é aquela que os Sahaabah concordaram unanimemente em tomar como início do seu calendário. Esta decisão foi tomada no tempo de 'Umar ibn al-Khattaab (que Allah esteja satisfeito com ele), porque é a data real da fundação do Estado Islâmico, quando o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) migrou e se estabeleceu em Medina, o povo se reuniu em torno dele e o apoiou, ele construiu a mesquita e outros eventos que seguiram a Hijrah. Assim, as características do Estado Islâmico começaram a se desenvolver e assumiram uma forma clara geográfica, social, militar e politicamente. Antes disso, os muçulmanos não tinham um Estado ou qualquer sistema político para uni-los.

Os Sahaabah (que Allah esteja satisfeito com eles) chegaram a uma decisão unânime em 16 AH – ou melhor, foi dito, 17 AH ou 18 AH – durante o califado de ‘Umar, para estabelecer o início do calendário islâmico com o ano em que a Hijrah ocorreu. Isso foi porque um caso foi encaminhado para o Amir al-Mu'minin 'Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) em relação a um contrato que um homem firmou com outro, dizendo que o que ele lhe devia se tornou devido em Sha'baan.

 ‘Umar disse: “Qual Sha'baan? O Sha'baan deste ano estamos agora ou do ano passado ou do próximo ano?” Então, ele convocou os Sahaabah e os consultou sobre a adoção de um calendário no qual eles pudessem determinar quando as dívidas a vencer e coisas do tipo.

Alguém sugeriu adotar o calendário persa, mas ele não gostou desta ideia. Alguém sugeriu adotar o calendário bizantino, mas ele não gostou disso. Outros sugeriram datá-lo desde o nascimento do Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele), ou desde o início de sua missão, ou de sua migração (Hijrah) ou de sua morte.

‘Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) estava inclinado a escolher a data da Hijrah porque era conhecida quando ocorreu, e os outros concordaram com ele.

O ponto é que eles fizeram o começo do calendário islâmico no ano da Hijrah, e eles determinaram Muharram como o primeiro mês do ano islâmico, como foi narrado a partir deles. Essa é a opinião da maioria dos imames, de modo que as pessoas possam conduzir seus negócios com base nelas, sem confusão.

Veja: al-Bidaayah wa'n-Nihaayah, 3/251-253

Al-Bukhari narrou em seu Sahih (3934) que Sahl ibn Sa'd disse: Eles não iniciaram o calendário desde o início da missão do Profeta ou de sua morte; eles só iniciaram a partir do momento de sua chegada em Madinah.

Al-Haafiz Ibn Hajar (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Os incidentes que estão ligados à vida do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e que poderiam ter sido tomados como o início do calendário são quatro: seu nascimento, o início de sua missão, sua migração (Hijrah) e sua morte. Eles acharam que era melhor começar o calendário a partir da Hijrah, porque no caso de seu nascimento e o início de sua missão, haveria incerteza em relação ao ano exato. Quanto à data de sua morte, eles optaram por não usá-la, porque recordar renovaria sua dor. Então, não havia escolha a não ser a Hijrah. E eles escolheram considerar Muharram como o primeiro mês do ano em vez de Rabi' al-Awwal, pois o plano da migração começou a tomar forma em Muharram. O juramento de lealdade (bai'ah) – que foi o precursor da Hijrah – havia ocorrido durante Dhu'l-Hijjah, e a primeira lua nova depois do juramento de lealdade e a decisão de migrar foi em Muharram. Por isso, foi apropriado torná-lo o primeiro mês do ano. Esta é a melhor explicação que eu já vi sobre o porquê do ano começar em Muharram.

Al-Haakim narrou que Sa'id ibn al-Musayyab disse: ‘Umar reuniu o povo e perguntou-lhes qual deveria ser o primeiro dia do calendário. ‘Ali disse: (deve começar) a partir do dia em que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) migrou e deixou a terra do shirk. Então, ‘Umar assim o fez. Fim da citação.

Aquele que diz que a era do Islam começou com a Hijrah está se referindo ao calendário e ao que as pessoas concordaram ao criar um sistema para que se pudesse conhecer as datas dos eventos e definir os tempos dos contratos, as datas das visitas de delegações, dentre mais. Isso é algo em que o povo concordou durante o califado de 'Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) e permanece assim até os dias atuais. O início deste calendário marca, como Umar pretendia, o estabelecimento do Estado (Islâmico), que só começou com a Hijrah.

Quanto ao início do próprio Islam e à conscientização das pessoas, não precisamos ressaltar que isso ocorreu antes deste período. De fato, o significado da palavra Islam, em geral, inclui a religião que Allah aprovou para Seus servos e com a qual Ele enviou Seus Profetas e Mensageiros. Mas, isso não é o que estamos discutindo aqui.

Nós não acreditamos que alguém possa imaginar que o Islam só começou com a Hijrah e ignore os anos de da'wah, durante os quais o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e aqueles que estavam com ele em Makkah se esforçaram para estabelecer a fé. Ninguém diria isso.

E Allah sabe melhor.

Enviar comentário