Quinta-feira 22 Rabi' Al-Awwal 1443 - 28 Outubro 2021
Portuguese

Amizade e amor entre um homem e uma mulher

20949

Data de publicação : 21-05-2021

Vistas : 407

Pergunta

Eu sei que manter uma namorada destrói a família e coisas nesse sentido, mas e se fôssemos apenas amigos, secretamente, sem ninguém saber (sobre nós). Assim ficaríamos juntos até o casamento e garantiríamos que não houvesse zina (fornicação). Existem casos de amor semelhantes em tempos antigos?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

Ter uma namorada não destrói apenas a família, destrói a sociedade, e aqueles que fazem isso são ameaçados com o castigo e a ira de Allah. O amor é uma doença que destrói o coração e leva ao mal e à imoralidade. Shaitan continuará tentando e incitando-os até que cometam ações imorais e, assim, cada um obterá o que deseja do outro.

Há muitos assuntos proibidos associados a isso, como transgredir a honra de outrem, trair a confiança, ficar sozinho com um membro do sexo oposto, tocar, beijar, falar palavras imorais, e então o mal maior que ocorre no final, que é o pecado de zina.

O fato do questionador dizer “sem ninguém saber (sobre nós)” é estranho. Como pode esquecer o seu Senhor Que sabe o que é secreto e o que é ainda mais oculto, e “sabe da traição dos olhos e do que os peitos escondem”. (Ghaafir 40:19).

Nosso conselho para você, como ainda é jovem, é disciplinar-se para obedecer a Allah e sempre lembrar que Ele o está observando; tema a Allah em relação à honra das pessoas; esforce-se pelo Dia em que você encontrará seu Senhor com suas obras; lembre-se do escândalo que pode acontecer neste mundo e no outro. Lembre-se de que você tem irmãs e terá uma esposa e filhas, então você gostaria que alguma delas vivesse o que você está fazendo com as filhas dos muçulmanos? A resposta é que você certamente não gostaria, e outras pessoas também não gostam. Lembre-se, também, de que você pode ver os resultados de seu pecado refletidos em alguns membros de sua família como um castigo de seu Senhor.

Você tem que procurar amigos justos e se manter ocupado fazendo aquilo que Allah ama e com o qual Ele se agrada. Preste atenção nas coisas melhores e sublimes e deixe de lado as coisas piores e vis. Aproveite ao máximo a sua juventude obedecendo e adorando Allah, buscando conhecimento e chamando os outros para Allah. Lembre-se de que houve pessoas de sua idade e até mais jovens que eram homens que memorizaram o Alcorão, que buscavam conhecimento, a quem o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) enviou para chamar outros para Allah e para entrar na religião do Islam.

Aconselhamos você a se casar com uma mulher justa e religiosa que o ajudará a seguir sua religião e o incentivará a cumprir as leis de Allah, que cuidará de seus filhos e os criará com boa moral e compromisso religioso. Desista dessa mulher que concorda em encontrar, sair e conversar com um homem que é estranho para ela (não-mahram); se ela concorda em praticar ações imorais agora, o que a impedirá de continuar a fazê-lo no futuro?

Lembre-se de que você está irritando o seu Senhor com pecados como ficar sozinho com ela, encontrá-la e conversar com ela, e qualquer coisa além disso é ainda mais séria.

Você deve perceber que zina não envolve apenas as partes íntimas, mas os olhos podem cometer zina, as orelhas podem cometer zina, a mão pode cometer zina e o pé pode cometer zina, como foi comprovado pelo Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele). Tudo isso leva à zina das partes íntimas. Portanto, não deixe o Shaitan enganá-lo, pois ele é um inimigo seu, que deseja o mal e lhe incita a cometer ações imorais.

Shaikh Muhammad al-Saalih al-‘Uthaimin disse:

O contato entre amantes de formas impróprias e ilegais é uma calamidade e um verdadeiro desastre. Não é permitido que o homem entre em contato com a mulher, neste caso, ou que a mulher entre em contato com o homem. Se ele disser que quer se casar com ela, então ele deve dizer a seu wali (tutor) que quer se casar com ela, ou ela deve dizer a seu wali que deseja se casar com ele, como 'Umar (que Allah esteja satisfeito com ele) fez quando ofereceu sua filha Hafsah em casamento a Abu Bakr e 'Uthman (que Allah esteja satisfeito com ambos).

Mas se a mulher entrar em contato com o homem diretamente, essa é a fonte de fitnah (tentação).

As’ilat al-Baab il-Maftuh (Pergunta n° 868).

Em segundo lugar:

No que diz respeito a sua pergunta sobre tais relacionamentos proibidos nas antigas histórias de amor, o fato de tais histórias existirem entre aqueles que vieram antes de nós não pode ser tomado como evidência em relação às regras shari’i, porque as regras têm relação com o que é proibido e o que é permitido e as evidências shari’i devem ser retiradas do Alcorão e da Sunnah, através dos comandos e proibições neles contidos.

Alguns dos mencionados nessas histórias vieram antes do Islam, como 'Antarah e outros, e essas histórias podem ser encontradas em outras culturas, como é bem conhecido. Mas não podemos considerar decisões shari’i a partir disso, uma vez que o Islam veio para fazer com que as pessoas deixassem de ser controladas por seus desejos e se submetessem a Allah, o Senhor dos Mundos.

Pedimos a Allah para nos guiar e a você e nos dar força.

A Fonte: Islam Q&A