Segunda-feira 9 Muharram 1446 - 15 Julho 2024
Portuguese

É permitido ao empresário instalar câmeras de vigilância sem o conhecimento de seus funcionários?

Pergunta

É permitido que eu, como empresário, instale câmeras de vigilância, por dois motivos: 1. Para acompanhar o andamento dos trabalhos e se os funcionários estão cumprindo suas funções; 2. Para detectar casos de roubo, caso ocorram, e proteger a loja do ponto de vista da segurança; é permitido instalar essas câmeras sem o conhecimento dos funcionários?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

É permitido que o empresário instale câmeras de vigilância para ficar de olho no trabalho dos funcionários que prestam serviço para ele, desde que estejam cientes da presença das câmeras, para que ele não os veja num estado onde a 'awrah esteja descoberta ou quando se comportam de uma maneira que somente se comportariam quando ninguém estivesse assistindo.

Se as câmeras forem instaladas sem o conhecimento deles, caracteriza a própria essência da espionagem, que é proibida de acordo com o texto do Livro de Allah (interpretação do significado):

{Ó vós que credes! Evitai muitas das conjeturas. Por certo, uma parte das conjecturas é pecado. E não vos espieis...} [al-Hujuraat 49:12].

E o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Cuidado com a suspeita, pois a suspeita é o mais falso dos discursos. Não procureis as falhas uns dos outros; não espioneis uns aos outros; não invejeis uns aos outros; não vos afasteis um do outro; não vos odieis. Sede, ó servos de Allah, irmãos.” Narrado por al-Bukhari (5144) e Muslim (2563).

Espionar refere-se a procurar as falhas e deficiências das pessoas.

O interesse que você procura atender instalando as câmeras, vigiar os funcionários e proteger o estabelecimento contra ladrões, pode ser alcançado adequadamente instalando-as e informando os funcionários da presença delas. Fazer qualquer coisa além disso está sob o título de espionar e procurar as falhas das pessoas.

Shaikh Muhammad ibn Saalih al-’Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Espionar significa procurar as falhas de outra pessoa, o que significa que uma pessoa observa, ouve atentamente e espiona na esperança de ouvir ou ver algo ruim de seu irmão. O que se deve fazer é deixar de procurar as falhas das pessoas e não querer descobri-las... não é apropriado que uma pessoa espione os outros; ao contrário, ela deve aceitar os outros como são, desde que não haja evidência circunstancial para sugerir algo em contrário." (Tafsir Surat al-Hujuraat 50, 51).

Se houver um aviso severo em relação àquele que ouve as conversas das pessoas quando elas não querem que ele o faça, que ele terá chumbo derretido em seus ouvidos – como é narrado em Sahih al-Bukhari (7024) – então o que dizer daquele que instala equipamentos no local de trabalho para filmar o empregado durante todo o seu turno, observando-o em tudo o que ele faz e deixa de fazer, e preserva essa gravação, podendo o empregado estar sozinho, ou sentir que está protegido dos olhos das pessoas, dessa forma, pode fazer algo que não é haram em si e por si só, e não é vergonhoso se uma pessoa faz quando está sozinha ou com sua família e filhos, mas é considerado vergonhoso e vulgar se ela fizer na frente dos outros, então o empresário explora essa gravação e ameaça divulgá-la e envergonhar o funcionário, ou chantageá-lo, e outros tipos de maus-tratos que são piores do que simplesmente ouvir uma conversa entre duas pessoas que não querem ser ouvidas.

Se o empresário não gostaria disso para si mesmo ou para qualquer um de seus filhos, então, da mesma forma, ele não deveria querer isso para mais ninguém. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Quem quiser ser libertado do Inferno e entrar no Paraíso, que morra crendo em Allah e no Último Dia, e trate as pessoas como gostaria de ser tratado.” Narrado por Muslim (1844).

Aquele que pensa que há justificativa em espionar as pessoas e inventa desculpas para fazê-lo é ameaçado com uma punição que se encaixa em seu crime, ou seja, Allah procurará suas falhas e o exporá à vergonha, como é mencionado no hadith de Ibn. 'Umar (que Allah esteja satisfeito com ele), que disse: O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) subiu ao minbar (púlpito) e gritou em voz alta: “Ó vós que declararam o Islam da boca para fora, mas a fé não entrou em vossos corações, não prejudiqueis os muçulmanos ou os envergonheis ou procureis suas falhas, pois quem procura as falhas de seu companheiro muçulmano, Allah procurará suas falhas, e se Allah procura as falhas de uma pessoa, Ele irá expô-la até mesmo no local mais íntimo de sua casa”. Narrado por at-Tirmidhi (2032); classificado como sahih por al-Albaani.

E Allah sabe mais.

A Fonte: Islam Q&A