Sábado 14 Rabi' Al-Awwal 1442 - 31 Outubro 2020
Portuguese

Ele disse à mãe de sua esposa ao telefone: "Diga a ela: [você está] divorciada, divorciada, divorciada"

Pergunta

O marido da minha irmã se divorciou dela por telefone quando ela estava grávida. Ele falou com nossa mãe e disse-lhe: “Diga a ela: [você está] divorciada, divorciada, divorciada (taaliq, taaliq, taaliq).” Esse divórcio conta como tal, visto que ele estava com raiva?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

O que parece ser o caso das palavras do marido aqui é que ele realmente se divorciou de sua esposa e queria transmitir esse divórcio através da mãe dela.

Com base nisso, o divórcio de sua esposa contou como tal, assim que ele proferiu a palavra, mesmo que sua sogra não tivesse transmitido as notícias do divórcio à esposa dele.

É dito em al-Mabsut por al-Sarkhasi (6/141): Se alguém dissesse a outra pessoa: “Diga à minha esposa que ela está divorciada”, ela estaria divorciada, independentemente desta pessoa dizê-la ou não. Fim da citação.

Em al-Mudawwanah (2/78), é dito: O que você acha, se um homem diz a outro homem: “Diga à minha esposa que ela está divorciada” – quando é que esse divórcio ocorre? É no dia em que ele diz a ela, ou no dia em que o marido o diz para transmiti-la o recado?

Ele disse: De acordo com Maalik, o divórcio ocorreu no dia em que o marido lhe pediu que a dissesse.

Eu perguntei: E se ele não dissesse a ela?

Ele respondeu: O divórcio ainda conta como tal, de acordo com a visão de Maalik, mesmo que ele [o segundo homem] não tenha contado a ela, porque Maalik contou a respeito de um homem que enviou um mensageiro para sua esposa para lhe dizer que ele se divorciara dela, mas o mensageiro reteve a notícia: isso não importou, porque o divórcio já havia ocorrido. Fim da citação.

Veja a resposta à pergunta nº 195336.

Em segundo lugar:

Se o marido disser à esposa: "[você está] divorciada, divorciada, divorciada (taaliq, taaliq, taaliq)", isso conta apenas como um divórcio.

Veja a resposta à pergunta nº 96194. Para mais informações, consulte a resposta à pergunta nº 285881.

Em terceiro lugar:

O assunto de um divórcio emitido em um estado de raiva está sujeito a uma discussão mais aprofundada. A opinião que seguimos em nosso site é que, se a raiva era tal que a pessoa não sabia o que estava dizendo, ou sabia, mas sua raiva era extrema e o levou a falar em divórcio, e não fosse pela raiva, ele não teria pronunciado um divórcio, o divórcio não conta como tal. Por favor, veja a pergunta n° 45174.

O que você deve fazer – se você mora em um país onde há tribunais de shari‘ah – é encaminhar-se ao tribunal para que o juiz (qaadi) possa examinar o caso desse divórcio.

E Allah sabe melhor.

A Fonte: Islam Q&A