Sexta-feira 19 Safar 1441 - 18 Outubro 2019
Portuguese

Falando a intenção de Hajj e ‘Umrah em voz alta

Pergunta

Dado que falar a intenção (niyyah) em voz alta é haram, qual é o parecer de falar a intenção de Hajj e 'Umrah em voz alta?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

O lugar para a intenção é o coração, e falar em voz alta é bid'ah. Não foi comprovado que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) ou seus companheiros falaram em voz alta a intenção de qualquer ato de adoração.

A Talbiyah no Hajj e ‘Umrah não é a intenção.

Shaikh Ibn Baaz (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Falar a intenção é uma bid'ah (inovação) e fazê-lo em voz alta é ainda mais pecaminoso. Em vez disso, a Sunnah é fazer uma intenção no coração, porque Allah sabe o que é secreto e o que é ainda mais oculto. Allah diz (interpretação do significado):

“Dize: Ensinareis a Allah vossa religião, enquanto Allah sabe o que há nos céus e o que há na terra?”

[al-Hujuraat 49:16]

Não foi narrado a partir do Profeta (que a que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) ou dos Sahaabah ou qualquer um dos mais proeminentes imames que a intenção tenha sido dita em voz alta. A partir disso, podemos entender que não é prescrito, mas sim uma inovação que foi introduzida na religião. E Allah é a fonte de força.

Fataawa Islamiyyah, 2/315

Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Não foi narrado que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) falou a intenção em voz alta, seja para oração, wudu, jejum ou qualquer outro ato de adoração. Mesmo no Hajj e 'Umrah ele (que a que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) não disse; quando ele queria fazer Hajj e 'Umrah dizia, “Ó Allah, eu pretendo fazer isso e aquilo.” Não é narrado que ele tenha feito isso ou tenha instruído a algum de seus companheiros a fazê-lo.

O mais narrado sobre isso é que Dubaa'ah bint al-Zubair (que Allah esteja satisfeito com ela) pediu-lhe conselhos, dizendo que ela queria fazer Hajj, mas se sentia mal. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse a ela: “Faz o Hajj e coloca uma condição dizendo, 'Eu sairei do Ihraam no lugar onde Tu me deixares cair doente', porque sua condição é válida ante Allah.” Neste caso, é aceitável falar em voz alta porque decidir fazer o Hajj é como uma promessa, e uma promessa é dita em voz alta, pois se uma pessoa pretende fazê-la em seu coração, isso não é promessa e é não considerado promessa. Isso porque o Hajj é como uma promessa e deve ser completado uma vez iniciado, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) ordenou a Dubaa'ah que dissesse sua condição em voz alta: “Se algo me impedir de completar meu Hajj, então o lugar da minha saída do ihraam é aquele onde Tu me tornares incapaz de prosseguir.”

Com relação ao que é comprovado no hadith, o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Jibril veio a mim e disse: 'Rezes neste vale abençoado e digas, ‘Umrah fi Hijjah ou 'Umrah wa Hijjah [Umrah e Hajj]”, isso não significa que ele estava falando a intenção em voz alta, mas o que isso significa é que ele estava mencionando os atos de adoração em sua Talbiyah. O Profeta (que a que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) não falou sua intenção em voz alta.

Fataawa Islamiyyah, 2/216

E Allah sabe melhor.

Enviar comentário