Quinta-feira 20 Muharram 1444 - 18 Agosto 2022
Portuguese

Ele tem hiperidrose (suor excessivo) e sente que há vestígios de xampu e sabonete na pele; seu wudu' e ghusl são válidos?

Pergunta

Eu tenho um problema chamado hiperidrose, o que faz com que minhas mãos possam ficar muito suadas e não sinto a temperatura da água na minha pele, assim como não sei se a água está atingindo a pele, mas acho que não está. E eu não sinto que a água atinja logo abaixo das minhas unhas; depois de colocar xampu ou sabonete e lavar eu sinto algo na palma da minha mão como se minha pele estivesse muito macia, então eu acho que o xampu e o sabonete podem causar uma barreira, mas isso também pode ser devido à condição que tenho, o que devo fazer? E esta questão não pode ser colocada no site de vocês?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Ao fazer wudu’ e ghusl, é necessário remover qualquer coisa que possa impedir que a água atinja a pele, para que a parte possa ser lavada adequadamente, conforme ordenado por Allah.

Allah, Exaltado seja, diz (interpretação do significado):

“Ó vós que credes! Quando vos levantardes para a oração, lavai as faces e as mãos até os cotovelos – e, com as mãos molhadas, roçai as cabeças – e lavai os pés até os tornozelos...” [al-Ma’idah 5:6].

O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse a Abu Dharr (que Allah esteja satisfeito com ele): “Quando tu encontrares água, deixe-a tocar tua pele, pois assim é melhor.” Narrado por Abu Dawud (332); classificado como sahih por al-Albaani em Sahih Abi Dawud.

Se alguém faz wudu' e há algo em qualquer parte do corpo que deva ser lavada no wudu', algo que impeça a água de atingir a pele, não se pode dizer verdadeiramente que ele lavou essa parte ou que a água tocou sua pele.

A orientação nesse sentido é:

O que for substancial, ou seja, que possua uma espessura que impeça que a água atinja o que está embaixo, como esmaltes e alguns cremes, deve ser removido.

O que não for substancial – que deixa sua cor ou um traço oleoso, como azeite, xampu ou sabonete – não precisa ser removido. De fato, na maioria dos casos, xampu e sabonete não deixam vestígios; ao contrário, é apenas suavidade ou maciez que resulta deles.

An-Nawawi (que Allah tenha misericórdia dele) disse em al-Majmu’ (1/456): Se houver cera, massa, henna e similares em um de seus membros, algo que impeça a água de atingir qualquer parte dele, então sua taharah (purificação) não é válida, seja a quantidade grande ou pequena. Se houver vestígios de henna e sua cor na mão ou em qualquer outro local, sem que reste nenhum material sólido, ou vestígios de vaselina líquida pela qual a água escorre sobre o membro, sem se acumular ali, a taharah é válida. Fim da citação.

Ibn Shata al-Bakri (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Traços de tinta ou henna não importam. O que se entende por traço é mera cor, de modo que não seja possível raspá-lo, por exemplo. Fim da citação de I'aanah at-Taalibin (1/35).

Com base nisso, nenhuma atenção deve ser dada ao que você sente quanto à suavidade da pele, e não deve pensar que isso resulta de uma barreira; ao contrário, mesmo se assumirmos que são os vestígios do xampu ou do sabonete, isso não forma uma barreira.

Não há diferença a esse respeito entre aquele que transpira muito e qualquer outro.

Você deve tomar cuidado com waswasah (sussurros do Shaitan; pensamentos intrusivos) em relação à purificação e outros assuntos.

Allah sabe melhor.

A Fonte: Islam Q&A