Quinta-feira 5 Jumada Al-Awwal 1443 - 9 Dezembro 2021
Portuguese

Parecer sobre ir a astrólogos e crer neles

Pergunta

É permitido ir a astrólogos e crer no que eles dizem, ou não? An-Nasaa'i narrou que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "A oração daquele que vai até eles e crê neles não será aceita." Isso está correto? Explique-nos o que foi narrado pelo Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) e o que os estudiosos disseram.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Há muitos ahaadith que afirmam que isso é haram, como o hadith narrado de Safiyah bint Abi 'Ubaid de uma das esposas do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele), que relatou que ele disse: “Quem quer que vá a um vidente e lhe pergunte sobre algo e creia nele, sua oração não será aceita por quarenta dias” (Narrado por Muslim em seu Sahih).

 Qusaibah ibn al-Mukhaariq disse: "Eu ouvi o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) dizer: 'Al-'ayaafah, al-tiyarah e al-turuq [tipos de augúrio/presságio] são todos parte de al-jabt [magia ou idolatria].'” Isso foi narrado por Abu Dawud com um isnad sahih (cadeia de transmissão saudável). Abu Dawud disse: Al-‘ayaafah, al-khatt e al-turuq são todos tipos de augúrios, pelos quais um pássaro é solto e observado para ver se voa para a direita ou para a esquerda. Se voar para a direita é considerado um bom presságio e se voar para a esquerda é considerado um mau presságio.” Al-Jawhari disse: al-jabt é uma palavra que pode ser aplicada a ídolos, adivinhos, mágicos, astrólogos etc.

Foi narrado que Ibn 'Abbas (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "Quem quer que busque o conhecimento das estrelas está procurando um dos ramos da magia..." Narrado por Abu Dawud com um isnaad sahih.

Foi narrado de Mu’awiyah ibn al-Hakam: "Eu disse, ‘Ó Mensageiro de Allah, ainda estou próximo ao tempo de Jahiliyah [ou seja, sou novo no Islam]. Allah trouxe o Islam para nós, mas há entre nós homens que procuram adivinhos (videntes).’ Ele disse: 'Não vá até eles.' Eu disse: 'E há homens entre nós que praticam augúrios [observam pássaros para presságios].' Ele disse, 'Isso é algo que eles inventam. Não creia neles.'” (Narrado por Muslim).

Foi narrado por Abu Mas'ud al-Badri que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) proibiu o preço de um cachorro, a taxa/pagamento de uma prostituta e o pagamento de um vidente. (Narrado por al-Bukhari e Muslim).

Foi relatado que ‘Aisha (que Allah esteja satisfeito com ela) disse: “Algumas pessoas perguntaram ao Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) sobre adivinhos. Ele disse: 'Eles não são nada.' As pessoas disseram: 'Ó Mensageiro de Allah, às vezes eles dizem algo e se torna realidade.' O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: 'Essa é uma palavra verdadeira que o jinn arrebata e sussurra no ouvido de seu familiar, porém eles misturam uma centena de mentiras com ela.'” (Narrado por al-Bukhari e Muslim).

Foi narrado por Abu Hurairah (que Allah esteja satisfeito com ele) que o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: "Quem quer que vá a um adivinho e creia no que ele diz, ou estabelece relações sexuais com uma mulher em sua passagem de trás, não tem nada a ver com o que foi revelado a Muhammad (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele)” (Narrado por Abu Dawud).

(…) Os sábios declararam que é haram lidar com tais assuntos, procurá-los ou crer neles. É haram pagar-lhes dinheiro, e qualquer pessoa que esteja sofrendo com qualquer uma dessas coisas deve se apressar em se arrepender daquilo.

E Allah sabe melhor.

A Fonte: Fataawa al-Imaam al-Nawawi, 230