Sábado 7 Rabi' Ath-Thani 1440 - 15 Dezembro 2018
Portuguese

Crença nos Livros e nos Mensageiros

Pergunta

Quem são os profetas que foram enviados por Allah? Quais são os livros que foram revelados com eles?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Quando Allah enviou Adam para a terra e seus descendentes se espalharam, Ele não os abandonou. Em vez disso, Ele deu-lhes provisão e enviou-lhe, e aos seus descendentes, a revelação. Assim, alguns deles creram, e alguns deles não:

“E, com efeito, enviamos a cada comunidade um Mensageiro, para dizer: "Adorai a Allah e evitai At-Taghut." Então, dentre eles, houve aquele a quem Allah guiou, mas, dentre eles, houve aquele ao qual se deveu o descaminho. Caminhai, pois, na terra, e olhai como foi o dos desmentidores!” [al-Nahl 16:36 - interpretação do significado]

Há quatro livros celestes que Allah fez descer. Eles são a Tawraat (Torah), o Injil (Evangelho), o Zabur (Salmos) e o Qur’an (Alcorão):

“Ele fez descer sobre ti (Muhammad) o Livro (o Qur’aan), com a verdade, para confirmar o que havia antes dele. E fizera descer a Tora e o Evangelho...” [Aal 'Imraan 3: 3 - interpretação do significado]

E Allah diz (interpretação do significado):

“…e concedêramos a Dawud (Davi) o Zabur (Salmos).” [al-Israa' 17:55]

Os profetas e mensageiros foram muitos, e ninguém sabe o seu número, exceto Allah. Entre eles estão aqueles sobre quem Allah nos contou, e alguns dos quais Ele não nos contou:

“E enviamos mensageiros, de que, com efeito, te fizemos menção, antes, e Mensageiros, de que não te fizemos menção…” [al-Nisaa’ 4: 164 - interpretação do significado]

É obrigatório acreditar em todos os Livros que Allah revelou e em todos os profetas e mensageiros que Allah enviou, como Ele diz (interpretação do significado):

“Ó vós que credes! Crede em Allah e em Seu Mensageiro (Muhammad) e no Livro (o Qur’aan) que Ele fez descer sobre Seu Mensageiro, e no Livro (Escrituras) que Ele fizera descer antes. E quem renega a Allah e a Seus anjos e a Seus Livros e a Seus Mensageiros e ao Derradeiro Dia, com efeito, descaminhar-se-á com profundo descaminhar.” [al-Nisaa’ 4:136]

Rassul (Mensageiro) e Nabi (Profeta) são dois nomes com o mesmo significado, que é alguém a quem Allah enviou para chamar o povo a adorar Allah somente. Profetas e mensageiros a quem Allah escolheu e enviou para os Seus servos para transmitir a Sua religião:

“Mensageiros por alvissareiros e admoestadores, para que não houvesse, da parte dos humanos, argumentação diante de Allah, após a vinda dos Mensageiros.” [al-Nisaa’ 4:165 - interpretação do significado]

Os profetas e mensageiros são muitos, dos quais Allah mencionou vinte e cinco no Qur’aan, e somos obrigados a crer em todos eles. São eles: Aadam, Idris, Nuh, Hud, Saalih, Ibraahim, Lut, Ismaa'il, Ishaaq, Ya'qub, Yusuf, Shu'ayb, Ayyub, Dhu'l-Kifl, Mussa, Haarun, Dawud, Sulaymaan, Ilyaas, al-Yasa’, Yunus, Zakariyya, Yahyaa, ‘Issa e Muhammad - paz e bênçãos estejam sobre todos eles.

O Qur’an é o melhor e último dos Livros Divinos, e revoga os livros que vieram antes dele e é um testemunho sobre eles, por isso devemos segui-lo e ignorar aqueles que vieram antes dele:

“E, para ti, Muhammad, fizemos descer o Livro (este Qur’aan), com a verdade, para confirmar os Livros que havia antes dele e para prevalecer sobre eles (como superioridade confiante e uma testemunha). Então, julga, entre eles, conforme o que Allah fez descer.” [al-Maa'idah 05:48 - interpretação do significado]

Allah escolheu Mensageiros e Profetas dentre os filhos de Adam, e enviou-os a cada nação, e ordenou-lhes a chamá-las para adorar Allah sozinho e para explicar as maneiras que trariam felicidade neste mundo e no Próximo, e para trazer boas-novas do Paraíso para aqueles que cressem e a advertência do Inferno para os incrédulos:

“E, com efeito, enviamos a cada comunidade um Mensageiro, para dizer: ‘Adorai a Allah e evitai At-Taghut (todas as falsas divindades, isto é, não adorem Taghut para além de Allaah)’. Então, dentre eles, houve aquele a quem Allah guiou, mas, dentre eles, houve aquele ao qual se deveu o descaminho.” [al-Nahl 16:36 - interpretação do significado]

Allah preferiu alguns dos Profetas e Mensageiros acima de outros. Os melhores deles são os “Mensageiros com força de vontade”, que são Nuh, Ibraahim, Mussa, ‘Issa e Muhammad; e o melhor dos Mensageiros com força de vontade é Muhammad (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele). Pois cada Profeta foi enviado apenas para o seu próprio povo, até Allah enviar Muhammad (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) para toda a humanidade. Ele é o último e o melhor dos Profetas e Mensageiros, como Allah diz (interpretação do significado):

“E não te enviamos Muhammad, senão a toda a humanidade, por alvissareiro e admoestador, mas a maioria dos homens não sabe”. [Saba' 34:28 - interpretação do significado]

Os Profetas e Mensageiros foram escolhidos por Allah para serem um exemplo para as suas nações. Ele ensinou-os, guiou-os e honrou-os com a Mensagem; Ele protegeu-os de cair em pecado e apoiou-os com milagres. Então, eles são os mais perfeitos da humanidade tanto fisicamente como em sua atitude, os melhores dela em conhecimento, os mais verdadeiros em discurso, os mais exemplares na vida que viveram. Allah diz sobre eles (interpretação do significado):

“E fizemo-los próceres, que guiaram os homens, por Nossa ordem. E inspiramo-lhes a prática das boas cousas e o cumprimento da oração e a concessão de az-zakah. E foram Nossos adoradores”. [al-Anbiyaa’ 21:73]

Pela razão dos Profetas e Mensageiros terem atingido um estatuto tão elevado de obediência e de bom caráter, Allah ordenou-nos a tomá-los como um exemplo. Allah diz (interpretação do significado):

“Esses são os que Allah guiou. Então, segue sua orientação”. [al-An'aam 6:90]

Todas as características dos Profetas e Mensageiros foram combinadas em nosso Profeta Muhammad (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele), e Allah honrou-o, incutindo nele as características mais nobres. Por isso, Allah declarou que seu exemplo deve ser seguido em todas as situações:

“Com efeito, há, para vós, no Mensageiro de Allah (Muhammad), belo paradigma, para quem espera em Allah (o Encontro com Ele), e no Derradeiro Dia, e se lembra amiúde de Allah”. [al-Ahzaab 33:21 - interpretação do significado]

A crença em todos os Profetas e Mensageiros é um dos pilares da crença islâmica ('Aquidah), sem a qual a fé do muçulmano não poderá ser completa, porque todos eles pregavam a mesma mensagem, que é a crença em Allah. Allah diz (interpretação do significado):

“Dizem: ‘Cremos em Allah e no que foi revelado para nós, e no que fora revelado para Abraão e Ismael e Isaque e Jacó e para as tribos; e no que fora concedido a Moisés e a Jesus, e no que fora concedido aos profetas, por seu Senhor. Não fazemos distinção entre nenhum deles. E, para Ele, somos muçulmanos.’”

[al-Baqarah 2:136]

A Fonte: De Usul al-Din al-Islami por Shaykh Muhammad ibn Ibraahim al-Tuwayjri

Enviar comentário