Sábado 20 Ramadan 1440 - 25 Maio 2019
Portuguese

Descrição do Wudu’

Pergunta

Por favor, irmãos, poderiam dizer-me como uma mulher faz wudu’, para a minha esposa? E também poderiam dizer-me como recitar a ayat al kursi em árabe, usando a transliteração? Pois quero muito aprender esta linda ayah em que o Todo-Poderoso mencionou tanto sobre Ele mesmo. Por favor, poderiam responder-me sobre isto, pois o meu coração quer muito.
Que Allah abençoe o nosso querido Profeta e a sua família e companheiros.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar, louvamos Allah por tê-lo guiado e aberto o seu coração. Pedimos a Allah para nos manter, e também a vocês, firmes na Sua obediência. Apreciamos os seus esforços em aprender sobre a sua religião e aconselhamo-lo a esforçar-se para adquirir conhecimento, para que a sua adoração seja correta. Tente aprender árabe para ser capaz de ler o Alcorão e compreendê-lo corretamente. Pedimos a Allah para o abençoar com conhecimento benéfico.

No que diz respeito à forma como o wudu’ é feito, há duas maneiras.

1 - Partes obrigatórias do wudu’, que são as seguintes:

(i) Lavar o rosto completamente uma vez, o que inclui a lavagem da boca e do nariz.

(ii) Lavar os braços até aos cotovelos, uma vez.

(iii) Limpar a cabeça inteira, incluindo as orelhas.

(iv) Lavar os pés até aos tornozelos, uma vez.

O que se entende por uma vez, em tudo o que foi dito acima, é que toda a parte do corpo mencionada, deve ser cuidadosamente lavada.

(v) Isto deve ser feito por ordem, então lava-se o rosto primeiro, depois os braços, em seguida limpa-se a cabeça, em seguida lava-se os pés, porque o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) fez wudu’ nesta ordem.

(vi) Isto deve ser feito de forma contínua, ou seja, as partes do corpo devem ser lavadas uma após a outra, sem longas interrupções entre a lavagem de uma parte e da próxima.

Estas são as partes obrigatórias do wudu’ que devem ser feitas para que o wudu’ esteja correto.

A evidência para estas partes obrigatórias no wudu’ é a ayah em que Allah diz (interpretação do significado):

“Ó vós que credes! Quando vos levantardes para a oração, lavai as faces e as mãos até os cotovelos - e, com as mãos molhadas, roçai as cabeças - e lavai os pés até os tornozelos. E, se estais junub, purificai-vos. E, se estais enfermos ou em viagem, ou se um de vós chega de onde se fazem as necessidades, ou se haveis tocado as mulheres, e não encontrais água, dirigi-vos a uma superfície pura, tocai-a com as mãos e roçai as faces e os braços, à guisa de ablução. Allah não deseja fazer-vos constrangimento algum, mas deseja purificar-vos e completar Sua graça para convosco, para serdes agradecidos.” [al-Maa'idah 5: 6]

2 - Partes mustahabb (recomendáveis) do wudu’. Estas foram narradas na Sunnah do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele), cujos detalhes são os seguintes:

(i) Deve-se ter a intenção de se purificar e remover a impureza. A intenção não deve ser dita em voz alta, pois o seu lugar é no coração. Isso aplica-se a todos os actos de adoração.

(ii) Deve-se dizer Bismillaah.

(iii) Depois, deve-se lavar as mãos três vezes.

(iv) Em seguida, deve-se lavar a boca três vezes, bochechando a água dentro da boca, e lavar o nariz três vezes, soltando a água para fora e usando a mão esquerda para retirar a água do nariz.

(v) Deve-se lavar o rosto três vezes, a partir da linha do cabelo ao maxilar e queixo, e de orelha a orelha. Um homem deve lavar a sua barba porque faz parte do rosto. Se a sua barba é fina, ele tem que lavá-la por dentro e por fora, e se ela é grossa e cobre a pele, ele deve lavar só a superfície e passar os dedos molhados através desta.

(vi) Em seguida, deve-se lavar os braços até aos cotovelos três vezes. O braço estende-se desde a ponta dos dedos, incluindo as unhas, até à parte inferior do braço superior. É essencial remover qualquer coisa presa às mãos antes de as lavar, tal como massa, lama, tinta, etc, que poderia impedir que a água alcançasse a pele.

(vii) Depois disso, deve-se limpar a cabeça e as orelhas uma vez com água fresca - não a água que sobrou da lavagem dos braços. A maneira pela qual a cabeça deve ser limpa é colocando as mãos molhadas na frente da cabeça e trazê-las para a parte de trás da cabeça, em seguida, trazê-las de volta para o lugar onde se começou. Depois, coloca-se os dedos indicadores nos ouvidos e limpa-se a parte de trás das orelhas com os polegares. No que diz respeito ao cabelo de uma mulher, ela deve limpá-lo, esteja ele solto ou trançado, a partir da frente da cabeça até às raízes dos cabelos na nuca do seu pescoço, mas ela não tem que limpar todo o comprimento do seu cabelo.

(viii) Em seguida, deve-se lavar os pés três vezes até aos tornozelos, ou seja, os ossos na parte inferior da perna.

A evidência para isso é o hadith narrado por Humraan, o escravo liberto de 'Uthman, que disse que ‘Uthman ibn ‘Affaan (que Allah esteja satisfeito com ele) pediu água para fazer wudu’. Ele lavou as mãos três vezes, lavou a boca e nariz, lavou o rosto três vezes, lavou seu braço direito até ao cotovelo três vezes, e lavou o braço esquerdo do mesmo modo. Então, ele limpou a cabeça, lavou o pé direito até o tornozelo três vezes, lavou o pé esquerdo da mesma forma. Então ele disse: “Eu vi o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) a fazer wudu’ como eu fiz, depois o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: ‘Quem fizer wudu’ como eu fiz, e depois rezar duas rak'ahs concentrando-se totalmente na sua oração, os seus pecados anteriores serão perdoados.’” (Narrado por Muslim, al-Tahaarah, 331)

As condições de wudu’ são: ser muçulmano, estar com a mente sã, ter atingido a idade do discernimento e ter a intenção de fazer wudu’. O wudu’ não é válido, por parte de um não-muçulmano, uma pessoa insana, uma criança pequena que ainda não atingiu a idade do discernimento ou aquele que não tem a intenção de fazer wudu’, sendo a sua intenção para se refrescar, por exemplo. A água deve também ser pura (taahir), pois a impura (naajis) não pode ser usada para wudu’. É preciso também remover qualquer coisa que possa impedir a água de atingir a pele e unhas, tais como esmalte.

É prescrito dizer Bismillaah, de acordo com a maioria dos estudiosos, mas eles diferem quanto a ser obrigatório ou Sunnah. Se alguém se lembra de dizê-lo, pode dizer-se, quer no início do wudu’ ou durante o mesmo.

Não há diferença entre homens e mulheres no modo como o wudu’ deve ser feito.

É mustahabb dizer, quando se completa o wudu’: “Ashhadu an laa ilaaha ill-Allaah wahdahu laa sharika lah, wa ashhadu anna Muhammadan ‘abduhu wa rasuluhu (Eu testemunho que não há nenhuma divindade além de Allah somente, sem parceiro ou associado, e eu testemunho que Muhammad é o Mensageiro de Allah)”, porque o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: “Não há ninguém entre vós que faça wudu’ corretamente e bem, e diga ‘Ashhadu an laa ilaaha ill-Allaah wahdahu laa sharika lah, wa ashhadu anna Muhammadan ‘abduhu wa rasuluhu’, sem que as portas do Paraíso se abram para ele e ele poderá entrar através de qualquer uma das que ele desejar.” (Narrado por Muslim, al-Tahaarah, 345). Um relatório narrado por al-Tirmidhi acrescenta: “Allaahumma ij’alni min al-tawwaabina wa’j’alni min al-mutatahhirin (Ó Allah, faça-me um dos que se arrependem e faça-me um dos que se purificam)”. (al-Tahaarah, 50; classificado como sahih por al-Albani em Sahih Sunan Abi Dawud, nº 48).

Veja al-Mulakhkhas al-Fiqhi por al-Fawzaan, 1/36)

No que diz respeito à sua menção “que Allah tenha misericórdia do Profeta”, o que é prescrito no Islam é enviar bênçãos e paz sobre ele, como Allah nos ordenou a fazer quando Ele disse (interpretação do significado):

“Por certo, Allah e Seus anjos oram (enviando graças, honras, bênçãos e misericórida ao) pelo Profeta (Muhammad). Ó vós que credes! Orai por ele e saudai-o (com a saudação islâmica, isto é, As-Salaamu ‘Alaykum), permanentemente.” [al-Ahzaab 33:56]

E Allah sabe melhor.

A Fonte: Sheikh Muhammed Salih Al-Munajjid

Enviar comentário